Tertecman

Ponte Rolante Pontes Rolantes Manutencao de Ponte Rolante



Ponte Rolante Pontes Rolantes Manutencao de Ponte Rolante



Ponte Rolante Pontes Rolantes Manutencao de Ponte Rolante



Ponte Rolante Pontes Rolantes Manutencao de Ponte Rolante



Notícias

RSS Feed - Notícias - Mantenha-se Informado


18/05 - Após protestos de caminhoneiros no 1º trimestre, Caixa anuncia linha de crédito especial para categoria
Presidente do banco também divulgou programa de renogociação de dívidas com até 90% de desconto. Medidas foram anunciadas após categoria se queixar da alta do preço do diesel. Aumento no valor do diesel é motivo de críticas dos caminhoneiros TVCA/ Reprodução O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, anunciou nesta terça-feira (18) condições especiais em linhas de crédito e serviços do banco para a categoria dos caminhoneiros. As medidas foram divulgadas após protestos de caminhoneiros em diversas cidades do país no início do ano por conta do preço dos combustíveis. Ministro da Infraestrutura fala em adotar medidas para 'blindar' caminhoneiros da alta do diesel Guimarães anunciou também foram feitas parcerias com as empresas VR e Sem Parar para oferecer outros meios de pagamentos aos caminhoneiros. O anúncio faz parte do pacote de medidas para caminhoneiros lançado nesta terça no Palácio do Planalto. No pacote consta uma linha de crédito GiroCAIXA Fácil Caminhoneiro, modalidade de antecipação de recebíveis de frete que será lançada no fim do mês de junho. A adesão ao limite de crédito pelo transportador/embarcador será simplificada e o pagamento antecipado será feito diretamente e sem custos ao caminhoneiro. Para Guimarães, “é importante para dar capital de giro; ao redor de 700 mil caminhoneiros serão beneficiados diretamente”. “Passaremos a oferecer possibilidade de outros meios de pagamento, em parceria com "VR" e "Sem Parar"”, disse. Segundo informações da Caixa, serão oferecidas "condições diferenciadas" na contratação de linhas de crédito e benefícios exclusivos em produtos e serviços. O cliente caminhoneiro terá isenção da primeira anuidade do cartão de crédito e descontos na cesta de serviços e na taxa de administração de previdência privada. Além disso, o banco prometeu ampliar a campanha de renegociação de dívidas, com condições facilitadas de parcelamento e quitação de dívidas dos caminhoneiros, disponíveis até 30 de junho. O pagamento poderá ser feito em até 96 meses, com taxas de juros a partir de 1,14% a.m. e desconto de até 90% para liquidação à vista de dívidas comerciais. Pedro Guimarães, presidente da Caixa Danilo Borralho/Rede Amazônica A Caixa também vai apoiar projetos de ponto de parada e descanso (PPD) em postos de combustíveis ou restaurantes nas estradas. A medida tem o objetivo de disseminar áreas de descanso multiuso nas estradas por todo o país, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida e segurança dos caminhoneiros. Os projetos devem prever estacionamento exclusivo, dormitórios, vestiários e internet gratuita. A linha de crédito exclusiva para PPD será ofertada em operações customizadas conforme cada projeto, com taxas reduzidas a partir de 0,99% a.m. e prazo de até 120 meses para pagamento. Guimarães destacou ainda que o banco vai participar do Plano Safra e “vai entrar grande”.
Veja Mais

18/05 - Leilão do 5G: relator no TCU diz que fará 'todo o esforço' para incluir escolas públicas no edital
Minuta de edital entregue ao tribunal não prevê obrigação de empresas ofertarem internet às escolas públicas. Governo argumenta que alterações no edital devem atrasar o leilão. Raimundo Carreiro, ministro do Tribunal de Contas da União Dida Sampaio/Estadão Conteúdo/Arquivo O ministro Raimundo Carreiro, do Tribunal de Contas da União (TCU), afirmou nesta terça-feira (18) que fará "todo o esforço" para incluir no edital do leilão da internet 5G a obrigação de as empresas de telefonia incluírem as escolas públicas na oferta da tecnologia. Relator do leilão no TCU, Raimundo Carreiro deu a declaração ao participar de uma audiência pública na Câmara dos Deputados. Segundo Carreiro, o Ministério das Comunicações informou que a internet vai atingir 95% das localidades brasileiras, chegando a municípios até então não atendidos. "Mas o que nós [também] queremos é que a internet chegue nas escolas públicas. Tenha certeza que, da minha parte, nós vamos fazer todo esforço para colocar [as escolas] dentro do nosso parecer, do meu voto e também no acórdão", disse o ministro. Anatel aprova edital com regras de leilão do 5G no país A minuta de edital foi aprovada em fevereiro pela diretoria da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e agora está em análise pelo TCU (veja detalhes no vídeo acima). O edital prévio prevê uma série de obrigações de investimento que as empresas vencedoras do leilão terão de fazer, mas não inclui a obrigação de levar internet às escolas públicas. Deputados da comissão de Educação da Câmara cobram a inclusão para garantir conexão de internet por fibra ótica para as escolas. Eles argumentam que a conectividade das escolas é uma obrigação legal, prevista no Plano Nacional de Educação e na lei 14.109/20. O governo e a Anatel, contudo, afirmam que o edital não prevê meta específica para as escolas porque a obrigação de cobertura 4G e 5G já vai levar internet de alta velocidade para as escolas. O edital prevê que todos os municípios com até 600 habitantes terão acesso ao 4G até 2028. "Edital não tem metas de acesso às escolas. Mas temos metas que, por consequência, geram cobertura nas áreas que têm escolas, inclusive em áreas mais remotas", afirmou o presidente da Anatel, Leonardo Euler de Morais, durante a audiência. Informações diferentes Durante a audiência na Câmara, o secretário de Telecomunicações do Ministério das Comunicações, Arthur Coimbra, afirmou que, pelas obrigações previstas no edital, o governo prevê que 48,3 mil escolas públicas urbanas terão acesso à rede 5G, enquanto 7 mil escolas de áreas isoladas terão acesso ao 4G. “Ao todo, cerca de 55 mil escolas [urbanas e rurais] serão beneficiadas pelo edital de 5G”, prometeu o secretário de Telecomunicações. O secretário de Controle Externo do TCU, Uriel de Almeida Papa, que trabalha com o ministro Carreiro na auditoria do leilão, no entanto, divergiu da informação. “O secretário Arthur Coimbra trouxe que o edital vai acabar chegando em 55 mil escolas, mas o fato é que vale o que está escrito no edital. E não consta esse compromisso na minuta de edital. A Anatel só vai poder exigir o que consta no edital”, explicou. Alterações no edital Ainda durante a audiência, Arthur Coimbra demonstrou preocupação com eventual pedido do TCU para alterar o edital. "Qualquer alteração no edital pode significar atraso de oito meses no leilão", declarou. O governo quer fazer o leilão do 4G até julho. Porém, aguarda o aval do TCU. O aval da Corte de Contas não é obrigatório, mas o governo costumar esperar para se precaver de futuros questionamentos jurídicos. Falta de documentos Na audiência, o secretário de Controle Externo do TCU, Uriel de Almeida Papa, afirmou que não foram entregues todos os documentos necessários para avaliação do edital do 5G. “Ainda falta parte da documentação ser entregue e alguns esclarecimentos vêm sendo solicitados à Anatel e ao Ministério das Comunicações”, explicou. “Embora ainda não tenham sido entregues todos os documentos necessários para a nossa fiscalização acontecer, estamos empenhados em dar celeridade”, completou o secretário.
Veja Mais

18/05 - Governo aumenta tolerância de peso nos eixos de caminhões e muda regras para remoção
Anúncio foi feito em cerimônia no Planalto; governo também lançou documento digital para caminhoneiros. Tolerância máxima atual é de 10% de peso excedente e passará para 12,5%. O governo federal anunciou nesta terça-feira (18) o aumento da tolerância de peso para os eixos dos caminhões, o lançamento de um documento digital para os caminhoneiros e novas regras para a remoção de veículos. O anúncio foi feito em uma cerimônia no Palácio do Planalto, durante o lançamento do programa Gigantes do Asfalto. O presidente Jair Bolsonaro participou da cerimônia, assim como alguns ministros, entre os quais Tarcísio Freitas (Infraestrutura) e Paulo Guedes (Economia). Pela regra atual, a tolerância máxima para o peso do caminhão equivale a 10% de peso excedente sobre o total permitido. Conforme o governo, até 30 de abril de 2022, passa a valer a tolerância máxima de 12,5%. Durante o anúncio, o ministro Tarcísio Freitas afirmou que alguns caminhoneiros costumam ser multados porque, durante a viagem, a carga se move, e o peso se altera nos eixos. Segundo ele, o impacto nas vias com o aumento da tolerância é "mínimo". Caminhões com eucalipto apreendidos por excesso de peso em Poços de Caldas (MG) Polícia Rodoviária Federal Remoção de veículo Durante o evento desta terça-feira, Bolsonaro assinou uma medida provisória para mudar as regras de remoção de veículos. Essas novas regras, no entanto, não valem para os veículos sem certificado de licenciamento. Medidas provisórias têm força de lei assim que publicadas no "Diário Oficial da União". Precisam, contudo, ser aprovadas pelo Congresso Nacional em até 120 dias para virar leis em definitivo. Pela nova regra, se não for possível sanar a irregularidade no local da infração, o veículo, desde que tenha condições de segurança para circulação, será liberado a um condutor habilitado em vez de ser removido para um depósito. Ainda conforme o texto da MP, o Certificado de Licenciamento Anual será recolhido e o dono do veículo deverá regularizar a situação em “prazo razoável”, não superior a 15 dias. Se não for regularizado, será feito um registro de restrição administrativa no Renavam do veículo. A restrição só será retirada quando a regularização for realizada. O programa O programa lançado pelo governo tem três eixos de atuação: Infraestrutura; Regulação e serviços; Incentivos e qualidade de vida. Entre outros pontos, o programa também prevê a adoção do Documento Eletrônico de Transporte (DT-e), documento exclusivamente digital que, de acordo com o governo, irá integrar, simplificar e digitalizar diversos documentos do transporte de cargas. "O documento que vai condensar até 90 documentos de transportes. Hoje, para fazer uma viagem, são inúmeros documentos e muitas vezes eles têm que estar impressos", afirmou o ministro da Infraestrutura. "Não adianta ter infraestrutura de qualidade se a gente não diminuir a burocracia, se a gente não digitalizar, se a gente não informatizar", acrescentou Tarcísio Freitas, em outro trecho do discurso.
Veja Mais

18/05 - Depen prorroga inscrições de concurso para 1.177 vagas; salários chegam a R$ 8,3 mil
São 107 vagas de contratação imediata e 1.070 para cadastro de reserva - todas temporárias. O Departamento Penitenciário Nacional (Depen) prorrogou as inscrições do processo seletivo que oferece 1.177 vagas de nível superior nas áreas de engenharia e arquitetura. A remuneração varia de R$ 6.242,41 a R$ 8.293,82. A contratação é por tempo determinado. São 107 vagas imediatas e 1.070 para cadastro de reserva - todas temporárias. Os 12 cargos ofertados exigem formação acadêmica de nível superior em arquitetura e engenharia civil, ambiental e sanitarista, elétrica, mecânica e mecatrônica. Veja o edital no site da organizadora O objetivo é contratar profissionais para atender a encargos temporários de obras e serviços de engenharia destinados à construção, à reforma, à ampliação e ao aprimoramento de estabelecimentos penais. Veja os cargos do concurso: Analista técnico de obras - arquitetura Analista técnico de obras - engenharia - ambiental e sanitarista Analista técnico de obras - engenharia - civil Analista técnico de obras - engenharia - elétrica Analista técnico de obras - engenharia - hidráulica Analista técnico de obras - engenharia - mecânica Especialista técnico de obras - engenharia - orçamentista Especialista técnico de obras - engenharia - ambiental sanitarista Especialista técnico de obras - engenharia - calculista estrutural Especialista técnico de obras - engenharia - calculista fundações Especialista técnico de obras - engenharia - elétrica Especialista técnico de obras - engenharia - hidráulica As inscrições podem ser feitas até 24 de maio pelo site do Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro (Idib). A taxa de inscrição é de R$ 60. A aplicação das provas objetivas está prevista para o dia 13 de julho.
Veja Mais

18/05 - O iate de Jeff Bezos estimado em meio bilhão de dólares
O homem mais rico do mundo irá, supostamente, zarpar no mês que vem em um dos maiores superiates já construídos. Jeff Bezos em um protótipo de cápsula lunar da Blue Origin. A imagem de arquivo é de 5 de abril de 2017, no Colorado Isaiah J. Downing/Reuters/Arquivo A notícia de que Jeff Bezos comprou um "superiate" reanimou o interesse no mundo secreto dos ricaços que apreciam esses símbolos de status. Especialistas dizem que a indústria de superiates vem crescendo há anos, mesmo durante a desaceleração econômica global causada pela pandemia. Jeff Bezos, o fundador da Amazon e o homem mais rico do mundo, viu sua riqueza pessoal praticamente dobrar desde 2017, ajudado pelo boom de seu negócio no ano passado, quando mais pessoas do que nunca passaram a fazer compras online. E não é apenas Bezos. Muitos dos mais ricos do mundo viram suas fortunas aumentarem nos últimos anos. Os estaleiros continuaram produzindo megaiates que estão ficando cada vez maiores. De acordo com especialistas e corretores, 2020 bateu o recorde de vendas de iates, e 2021 deve quebrar novamente essa marca. Saiba mais: Conheça quem vai substituir Bezos no comando da Amazon O que sabemos sobre o iate de Bezos? A embarcação de 417 pés (127 metros) está sendo construída na Holanda pela Oceanco, de acordo com uma nova biografia de Bezos escrita pela Bloomberg News. Estima-se que o iate custe cerca de US$ 500 milhões (R$ 2,6 bilhões), o que é praticamente um "trocado" para o homem mais rico do mundo, cuja riqueza pessoal chegou a crescer US$ 13 bilhões em um único dia em 2020. Seu patrimônio líquido estimado agora é de quase US$ 200 bilhões. O preço não inclui um "iate de apoio" menor, que Bezos também planeja comprar. O iate menor possui um heliporto — a namorada de Bezos, a apresentadora de TV Lauren Sanchez, é pilota de helicóptero. O iate principal é incapaz de suportar um heliporto devido aos três mastros de vela em seu convés. O iate menor pode ser usado para transportar diversos outros artigos de luxo, como carros, lanchas e provavelmente até um pequeno submarino, dizem os especialistas. O projeto do superiate altamente secreto, conhecido como Y721, deve ser concluído no próximo mês, de acordo com a Bloomberg. É provável que o pedido de Bezos tenha sido feito há vários anos, já que navios feitos sob medida como esse podem levar cerca de cinco anos para serem construídos. A Oceanco, fabricante holandesa de iates, não comentou o projeto. Eles são conhecidos por construir o Black Pearl de 350 pés (106 metros), o segundo maior iate à vela do mundo. Saiba mais: Bill Gates se afastou de conselho da Microsoft durante investigação de relação extraconjugal com funcionária, diz jornal Superiates se reúnem em Mônaco Getty Images/BBC O que é um superiate? Não existe uma definição oficial de superiate (e como ele se diferencia de um iate normal), mas na indústria o termo geralmente se refere a um iate com mais de 74 pés (22 metros) de comprimento. Alguns contestam essa definição, dizendo que o termo superiate se aplica a embarcações com mais de 200 pés (60 metros) de comprimento. Alguns corretores chegaram a usar o termo "gigaiate" para se referir a navios com mais de 300 pés (90 metros). "É tudo marketing", diz Bill Springer, que escreve sobre a indústria de iates para a revista Forbes. O iate de Bezos, chegando a mais de 400 pés, é quase tão grande quanto a Grande Pirâmide de Gizé (se o iate fosse colocado verticalmente). É quase metade do comprimento da Torre Eiffel. Apenas alguns superiates gigantes como esse são concluídos a cada ano, mas projetos de alto perfil costumam ser feitos com tanta discrição que os construtores são obrigados a assinar acordos de sigilo. Portanto, é improvável que algum dia saberemos se Bezos copiou os ornamentos decorativos do oligarca russo e colega iatista Andrey Melnichenko, que combinou uma escada em espiral em um de seus iates com paredes recortadas de folha de prata. Após 27 anos, Jeff Bezos vai deixar o cargo de CEO da Amazon; Guga Chacra comenta Como está a indústria de iates? Essa indústria tem crescido rapidamente nos últimos 20 anos. De acordo com a associação National Marine Manufacturers Association, dos EUA, as vendas de barcos atingiram um pico de 13 anos em 2020. Isso reflete uma tendência de pessoas de usarem barcos como forma de entretenimento social, mas mantendo o distanciamento físico das demais pessoas exigido pela pandemia. "O mercado está absolutamente aquecido", disse Sam Tucker, chefe de pesquisa de superiates da empresa de inteligência de mercado VesselsValue. "Houve um número recorde de transações feitas e essa tendência está se mantendo até agora." O mercado de iates usados também "virou uma loucura", diz ele. "O mercado está em alta." De acordo com Tucker, existem 9.357 iates com mais de 65 pés (19 metros) de comprimento que estão atualmente no mar. Cerca de 85% deles são motorizados e 15% são iates à vela como o que Bezos encomendou. Menos iates foram fretados em 2020, diz Tucker, o que ele atribui às restrições de viagens durante a pandemia, que impedem atividades turísticas normais. As vendas caíram por algumas semanas quando começou o lockdown em partes dos EUA no ano passado, mas logo em seguida elas dispararam. Em junho, "foi como se alguém ligasse um interruptor", diz Bob Denison, que é corretor de iates em Fort Lauderdale, Flórida, desde 2001. "Nunca houve nada parecido antes", diz ele. "A quantidade de demanda é duas ou três vezes mais do que eu já vi." A empresa de Denison vendeu 1.008 navios em 2020 — uma alta de 35% em relação ao ano anterior. Ele acredita que haverá outro aumento de 30% em 2021. Cerca de 65 dos iates que ele vendeu em 2020 eram superiates. Até agora, neste ano, cerca de 40 superiates foram vendidos, o que significa que cerca de 2,2 superiates foram vendidos por sua empresa por semana desde janeiro. A demanda superou totalmente a oferta, diz seu colega Ben Farnborough, que acrescenta que está cada vez mais difícil encontrar barcos usados para vender. Farnborough espera que a flexibilização das restrições às viagens por causa coronavírus tornará possível viajar para a Europa, onde será possível encomendar mais iates usados para vender nos EUA. Quem compra um superiate? As embarcações são frequentemente compradas por empresas e depois alugadas aos proprietário da empresa, o que torna difícil dizer com certeza quais iates pertencem a quem. Em portos famosos pela construção de iates, como o da Holanda, onde a Oceanco está localizada, alguns fãs de iates tentam identificar aviões particulares no local, em um esforço para determinar quais bilionários vieram visitar sua futura embarcação. A privacidade é um dos motivos principais de se possuir um iate, diz Tucker. Há boatos de que Mark Zuckerberg e Bill Gates, "colegas" bilionários de Bezos no mundo da tecnologia, têm iates. "Esses são ativos muito particulares, e um dos motivos pelos quais foram comprados é para fins de privacidade", diz Tucker. A privacidade também implica em maior segurança pessoal, algo particularmente importante para as pessoas mais ricas do mundo. O uso de superiates pode angariar antipatias. Depois que o bilionário de Hollywood David Geffen postou online sobre estar "isolado" em seu iate em um paraíso tropical e esperando que todos os outros estivessem "seguros" durante a pandemia, ele virou alvo de chacota na internet. "David Geffen acabou de mostrar a todos o dedo médio?", perguntou um usuário do Instagram postou em reação à postura nada humilde de Geffen. 10 curiosidades sobre Jeff Bezos Por que eles são tão caros? Os iates oferecem "verdadeira exclusividade", diz Springer, que compara ser dono de uma embarcação dessas com possuir uma ilha privativa ou construir do zero uma cidade personalizada. "Na época do Renascimento, ricos pagavam milhões de dólares construindo catedrais", diz. "E elas eram as mais bonitas, feitas pelos melhores artistas. Eram projetos espetaculares. E havia algo como: 'Eu sou muito rico e vou fazer algo realmente incrível com o meu dinheiro'. Os superiates são muito similares nesse sentido." E essas embarcações estão ficando cada vez mais confortáveis, além de viajarem para além de "portos glamurosos", como Mônaco, diz Springer. As pessoas estão, agora, levando os superiates para locais mais remotos, como Antártida e Papua Nova Guiné, pois deixaram de ser apenas símbolos de status. Os melhores superiates são feitos sob medida, com as empresas tentando atender cada detalhe dos gostos dos homens e mulheres mais ricos do mundo. Os projetos podem levar anos para serem concluídos. A construção de um iate do tamanho do de Bezos provavelmente envolve cerca de 400 trabalhadores e designers, estima Farnborough. Quando ficar pronto, provavelmente precisará de uma tripulação de cerca de 60 pessoas. Os custos anuais de manutenção chegam a somar cerca de 10% do valor de compra, diz Tucker, da VasselsValue. O que mais custa tão caro quanto um superiate? Bezos comprou o jornal The Washington Post em 2013 por "apenas" US$ 250 milhões, ou seja, metade do preço do superiate. Um quadro do pintor Jean-Michel Basquiat está atualmente em leilão em Nova York por um preço de saída de US$ 145 milhões. Também há um quadro de Claude Monet sendo oferecido em leilão com lance inicial de US$ 350 milhões. A Virgin Galactic tem vendido viagens ao espaço for preços que variam de US$ 200.000 a US$ 250.000, ainda sem data confirmada para o lançamento do foguete. Mas se você é Jeff Bezos, não precisa reservar o seu bilhete. Ele está por trás da empresa Blue Origin, que pretende enviar suas próprias aeronaves turísticas ao espaço.
Veja Mais

18/05 - Receita Federal lança aplicativo para agendar atendimento presencial
Segundo o órgão, objetivo é facilitar o agendamento dos serviços que ainda não podem ser realizados pela internet em uma das unidades da Receita Federal. A Secretaria da Receita Federal informou que disponibilizou para download gratuito nas lojas Google Play e Apple Store um aplicativo para o cidadão agendar atendimento presencial nas unidades do órgão. O agendamento do atendimento presencial, que é obrigatório, também pode ser feito por meio do site da Receita Federal na internet. Segundo o órgão, o objetivo do aplicativo é facilitar o agendamento dos serviços que ainda não podem ser realizados pela internet em uma das unidades da Receita Federal. Com o aplicativo de agendamento, é possível selecionar o serviço desejado e escolher a unidade mais próxima, explicou a Receita Federal. Para marcar data e horário, não é necessário fazer cadastro, bastando apenas informar o CPF ou CNPJ. Aplicativo de agendamento presencial da Receita Federal Reprodução "Antes o contribuinte escolhia a unidade de atendimento sem saber se ela oferecia o serviço que precisava, causando transtorno ao cidadão e aumento das filas no atendimento. O aplicativo de agendamento é uma solução para esses casos", acrescentou a Receita. De acordo com a Receita Federal, o aplicativo também permite sincronizar o horário escolhido com a agenda pessoal, compartilhar data e horário em outras mídias, visualizar no mapa a unidade de atendimento selecionada e traçar rotas até a unidade escolhida. O órgão lembrou que grande parte dos serviços podem ser realizados, sem sair de casa, diretamente no site da Receita Federal ou no Centro de Atendimento Virtual (e-CAC). Serviços disponíveis no atendimento presencial Inscrever e atualizar dados cadastrais de pessoa física; Obter cópia de Declaração de Imposto de Renda (DIRPF) e rendimentos informados em DIRF; Consultar dívidas e pendências de pessoa física e de MEI (microempreendedor individual). Parcelar débitos que não possam ser parcelados pela internet; Emitir documentos de arrecadação que não possam ser emitidos pela internet; e Entregar documentos, requerimentos, defesas e recursos que não possam ser apresentados pela internet. VÍDEOS: veja mais vídeos de economia
Veja Mais

18/05 - Google apresenta Android 12 com novo visual; veja o que muda
Companhia revelou avanços em inteligência artificial e produtos. Novidades foram apresentadas durante conferência de desenvolvedores Google I/O, que aconteceu na Califórnia. Google apresentou Android 12 durante sua conferência I/O em 18 de maio de 2021. Reprodução/Google O Google apresentou nesta terça-feira (18) as novidades do Android 12, nova versão do seu sistema operacional para celulares, durante o evento para desenvolvedores Google I/O. A companhia também revelou novidades para outros produtos, como as ferramentas empresariais do Workspace, as chamadas de vídeo pelo Meet, Google Fotos e avanços em inteligência artificial. Veja o que foi anunciado: Android 12 Segundo o Google, são atualmente 3 bilhões de aparelhos rodando o sistema operacional da empresa ao redor do mundo – entre celulares, tablets, relógios, carros e outros dispositivos. Todos os aplicativos e serviços do Google devem incorporar uma linguagem visual chamada de "Material You", mais colorida e personalizável, segundo a empresa. Esquema de cores do Android vai se adaptar automaticamente de acordo com o papel de parede. Reprodução/Google Um exemplo dessa linguagem é a tela inicial do Android. Ao escolher um papel de parede, o sistema vai identificar a paleta de cores e vai se adaptar – todos os menus vão incorporar tons compatíveis. A nova aparência do sistema inclui botões maiores, mais animações de transição entre aplicativos e uma nova barra de notificações. Novo visual do Android 12. Divulgação/Google Recursos de privacidade: Seguindo novidades de controle de privacidade anunciadas pela concorrente Apple no ano passado, o Google adicionou indicadores da utilização da câmera e microfone. Um pequeno ponto aparecerá no topo direito da tela para indicar que o microfone ou a câmera estão ativos. Há ainda uma opção nas configurações para desabilitar completamente os componentes, para todo o sistema – e quando um app precisar usá-los, uma janela pedirá permissão. Haverá ainda um "painel de privacidade" que vai mostrar quantas vezes e por quanto tempo os recursos de localização, microfone e câmera foram ativados. SAIBA MAIS: Aplicativos do Android terão 'tabela nutricional' de dados coletados a partir do ano que vem Outras novidades: Será possível tirar capturas de tela (prints) de telas completas – o sistema vai automaticamente rolar uma janela para pegar todo o conteúdo; O Google prometeu melhorar a integração com lojas de aplicativos de outras empresas; Mais integração com Chrome OS, o sistema da empresa presente nos Chromebooks; O sistema também ganhou um controle remoto integrado para sistemas com Android TV, como as novas gerações do Chromecast e TVs; Os smartphones Pixel, fabricados pelo próprio Google, ganharão melhorias na câmera para representar com mais fidelidade fotos com pessoas negras. Google e Samsung se uniram para desenvolver novo sistema operacional para os relógios Galaxy. Quando chega? As atualizações do Android dependem de cada fabricante que utiliza o sistema – alguns modelos, por exemplo, estão recebendo o Android 11 somente neste ano. O Google disse, no entanto, que está trabalhando com parceiros para acelerar a chegada das novas versões. Google Fotos O Google Fotos, que deixará de oferecer armazenamento ilimitado em junho, vai ganhar novos recursos nos próximos meses: Uma inteligência artificial vai criar uma versão animada combinando fotos tiradas em sequência, criando movimento "natural", como se fosse um vídeo; Os usuários vão poder escolher datas ou certas pessoas para não aparecerem no recurso de memórias, que mostra fotos de anos anteriores. A ideia é evitar a lembrança de momentos difíceis; Pastas com senhas para proteger fotos sensíveis. Neste exemplo do Google Fotos, a imagem do meio não existe, e foi criada por uma inteligência artificial a partir do contexto das outras duas cenas. Reprodução/Google Inteligência artificial A empresa demonstrou alguns avanços na área de inteligência artificial (IA), como o modelo de linguagem "LaMDA", que pode usado para aplicações de diálogo – conversas com assistentes virtuais, por exemplo. Nas demonstrações do Google, a inteligência artificial "incorporou" a identidade de Plutão, contando algumas curiosidades como a composição geológica do planeta e detalhes sobre a missão New Horizons, que levou uma sonda para estudar o planeta-anão, em primeira pessoa. Modelo de linguagem 'LaMDA' do Google responde a perguntas em demonstração no Google I/O 2021. Reprodução/Google O produto ainda está em fase de pesquisas, segundo o presidente da companhia. Por enquanto, essa IA só compreende texto escrito – com o tempo, a intenção é expandir as capacidades para vídeos, permitindo fazer buscas como "me mostra o momento em que um leão ruge no por do sol". Gerenciador de senhas O navegador Google Chrome conta, há algum tempo, com um gerenciador de senhas – uma ferramenta que permite salvar as informações de login dos sites. Durante a conferência, a companhia anunciou algumas melhorias como um atalho para alterar a senha quando for identificado que as suas credenciais foram vazadas. SAIBA MAIS: Chrome agora pode avisar se a sua senha vazou na internet; saiba como ativar Google Meet e Workspace A plataforma de videochamadas Google Meet vai ganhar, nos próximos meses, opções para reorganizar as janelas de cada participante e legendas automaticamente traduzidas. As novidades do Workspace, suíte de ferramentas para trabalho e produtividade, que foram anunciadas em outubro passado, estão disponíveis a partir de agora. Entre elas a possibilidade de fazer chamadas de voz ou vídeo direto de um documento de texto ou apresentação de slides e melhorias nas opções de marcar outros colaboradores em projetos. Renovação nos relógios Galaxy Uma parceria entre Google e Samsung vai desenvolver o novo software Wear OS para os relógios Galaxy. O projeto também envolve a própria marca de relógios da Google, a Fitbit, que também ganhará uma nova versão do sistema operacional. Entenda o processo que o Google enfrenta nos EUA Veja 5 pontos sobre do processo contra o Google nos EUA
Veja Mais

18/05 - Pague Menos negocia compra da rival Extrafarma
Negócio tornará a Pague Menos a segunda maior varejista de drogarias do Brasil, atrás apenas da RD, dona das bandeiras Drogasil e Droga Raia. A rede de varejo farmacêutico Pague Menos afirmou nesta terça-feira (18) que está em negociações para comprar a rival Extrafarma, controlada pela Ultrapar, o que fez suas ações dispararem na bolsa brasileira. A Reuters noticiou mais cedo nesta terça-feira que a Pague Menos chegou a um acordo para comprar a Extrafarma por R$ 600 milhões, citando fontes familiarizadas com o assunto. Ultrapar e Pague Menos não deram mais detalhes sobre o negócio nos comunicados que confirmaram as tratativas. Por volta de 13h40, as ações da Pague Menos subiam 9,5%, a R$ 11,76, enquanto Ultrapar perdia o fôlego e cedia 1%, após subir mais de 2% nos primeiros negócios. Unidade da rede Pague Menos na Bahia Danutta Rodrigues/G1 O negócio tornará a Pague Menos a segunda maior varejista de drogarias do Brasil, atrás apenas da RD, dona das bandeiras Drogasil e Droga Raia. Atualmente, a Pague Menos é a terceira maior cadeia de farmácias. A compra da Extrafarma elevará em mais de um terço o número de lojas da Pague Menos, para 1.503 unidades, e reforçará a sua presença principalmente nas regiões Norte e Nordeste do Brasil, afirmou uma das fontes. A Extrafarma possui 402 lojas. A Pague Menos, que tem como investidor a gestora de private equity General Atlantic, pagará 300 milhões de reais pela fatia da Ultrapar na varejista quando o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) der o sinal verde para o negócio. O restante será pago nos próximos dois anos, em duas parcelas iguais. Considerando dívida e caixa, o valor total da Extrafarma foi fixado em R$ 700 milhões. O negócio deve criar sinergias entre R$ 150 milhões e R$ 250 milhões nos próximos 3 anos para o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) da Pague Menos, principalmente pelo potencial aumento de vendas da Extrafarma, acrescentou uma das fontes. Analistas do Bradesco BBI afirmaram em relatório a clientes que a Pague Menos pagará cerca de R$ 1,5 milhão por loja da Extrafarma, por volta do custo de abertura de um novo ponto. Para a Pague Menos, a vantagem é poder acelerar seu plano de expansão com lojas que já estarão gerando receita tão logo incorporadas a empresa. Esta deve ser a primeira aquisição feita pela Pague Menos desde que a companhia concluiu uma oferta inicial de ações (IPO) em agosto. A Ultrapar decidiu vender a Extrafarma em meio a uma grande reorganização de seu portfólio, com o objetivo de se concentrar no setor de óleo e gás. O grupo está em negociações exclusivas com a Petrobras para a aquisição da refinaria Refap, localizada no Rio Grande do Sul.
Veja Mais

18/05 - IBGE prepara plano para cumprir decisão do STF e realizar o Censo em 2022
Segundo o instituto, projeto vai descrever os recursos que precisam ser repassados pelo governo ainda em 2021 para poder realizar a pesquisa ano que vem. Após cancelamento devido a corte no orçamento, STF determinou que o governo federal realize o Censo em 2022 Divulgação O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou nesta terça-feira (18) que prepara um plano para poder cumprir a determinação do Supremo Tribunal Federal (STF) de realizar o Censo Demográfico em 2022. Prevista para ser realiza realizada este ano, a pesquisa foi cancelada após corte no orçamento feito pelo governo federal. Segundo o IBGE, o projeto vai descrever os recursos que precisam ser repassados ao Instituto ainda este ano para que seja possível realizar o Censo no prazo determinado pelo STF. "A prioridade, agora, é fechar a proposta, já que há necessidade urgente de recomposição do orçamento para conclusão de etapas preparatórias essenciais ao longo de 2021", enfatizou o instituto. O IBGE destacou que, após a elaboração do plano de trabalho, serão retomadas as reuniões com as áreas técnica, consultiva e operacional para definir "as melhores condições e o período adequado para realização do Censo em 2022". Por lei, o Censo deve ser realizado a cada dez anos. O último ocorreu em 2010. No ano passado, a pesquisa foi adiada devido à pandemia de Covid-19. Ela estava prevista para começar no segundo semestre deste ano e dois concursos públicos para contratação de pessoal para atuar na pesquisa já estavam em andamento quando o governo anunciou corte de quase 95% do orçamento previsto. O IBGE ainda não informou o que será feito em relação aos candidatos que chegaram a se inscrever para o processo seletivo para trabalhar no Censo. O caso chegou ao STF por meio de uma ação do governo do Maranhão. Na ação, o governo estadual argumenta que a falta do estudo sobre o perfil da população tem consequências na repartição de receitas tributárias, além de prejuízos para as estatísticas do país. Também afirma que não realizar o Censo fere a Constituição. A decisão do STF em obrigar o governo federal a realizar o Censo até ano que vem foi tomada em plenário virtual na última sexta-feira (14). O julgamento terminou com oito votos a favor do censo no ano que vem, dois a favor da realização neste ano e um que rejeitou a ação por considerar que o censo "não revela urgência". STF obriga o governo a realizar o censo demográfico em 2022 'IBGE está pronto para realizar o Censo' Logo após tomar posse como o novo presidente do IBGE, Eduardo Rios afirmou que o órgão teria condições de realizar o Censo ainda em 2021, caso tivesse os recursos necessários. "O projeto do Censo Demográfico está pronto e estamos preparados para sua realização em 2021", disse Rios Neto durante coletiva de imprensa realizada após sua posse. Eduardo Rios Neto, presidente do IBGE, em coletiva de imprensa no dia 30 de abril, logo após tomar posse no cargo Reprodução Eduardo Rios Neto foi indicado ao cargo após Susana Cordeiro Guerra pedir exoneração do cargo de presidente do instituto tão logo foi anunciado o corte brusco no orçamento do órgão. Todavia, ela alegou "motivos pessoais e de família" para deixar o comando do instituto. Susana e Rios Neto haviam assinados, juntos, um artigo publicado em março pelo jornal "O Globo" e reproduzido na página do IBGE no qual afirmaram que o país ficará em risco sem as informações censitárias. "Sem o Censo em 2021, as ações governamentais pós-pandemia serão fragilizadas pela ausência das informações que alicerçam as políticas públicas com impactos no território brasileiro, particularmente em seus municípios", afirmaram Susana Guerra e Eduardo Rios Neto.
Veja Mais

18/05 - PAT de Hortolândia oferece 202 vagas de emprego nesta terça-feira; veja como se candidatar
Setor de serviços se destaca entre as oportunidades oferecidas, com 200 chances. Interessados devem comparecer à unidade com RG, CPF e carteira de trabalho impressa ou digital. Prédio do Hortofácil, onde funciona o PAT de Hortolândia (SP) Reginaldo Prado/Divulgação O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Hortolândia (SP) oferece 202 vagas de emprego nesta terça-feira (18). Dentre as oportunidades disponíveis, o setor de serviços se destaca com 200 chances. Confira as vagas de emprego nos PATs da região de Campinas nesta semana Há cargos em restaurante destinados a pessoas com deficiência (PCDs) e àqueles que estão buscando o primeiro emprego e tenham concluído o ensino fundamental. Para as demais vagas, é necessário ter concluído ensino médio. Confira, abaixo, a relação completa de vagas, salários e pré-requisitos: Vagas do PAT Hortolândia Além dos pré-requisitos listados acima, os candidatos às vagas de ajudante de restaurante e de auxiliar de cozinha devem ter disponibilidade para morar em residência oferecida pela empresa. As vagas são para trabalhar na cidade de São Paulo e no interior do estado. Já para a vaga de preparador de máquinas injetoras é necessário ter disponibilidade de horário para trabalhar no 2º turno (14h20 às 22h40), de segunda-feira a sábado. O salário não foi informado. Como se candidatar? Os interessados devem comparecer ao órgão para retirar a carta de encaminhamento para entrevistas. É necessário levar carteira de trabalho, carteira de identidade, CPF, cartão do PIS e comprovante de endereço. O PAT de Hortolândia fica dentro do Hortofácil, localizado na Rua Argolino de Moraes, 405, Vila São Francisco. O atendimento é das 9h às 15h, de segunda a sexta-feira e segue as medidas sanitárias contra a Covid-19, como uso obrigatório de máscara e distanciamento social. Em casos de dúvidas, os candidatos podem entrar em contato com a unidade pelo telefone (19) 3965-1400, nos ramais 8912 e 8913. Serviço PAT de Hortolândia Endereço: Rua Argolino de Moraes, 405, Vila São Francisco; Horário de funcionamento: das 9h às 15h; Documentos para candidatura: carteira de trabalho digital ou convencional, RG e CPF; Dúvidas podem ser esclarecidas pelo site do PAT ou pelo telefone (19) 3965-1400, nos ramais 8912 e 8913. VÍDEOS: tudo sobre Campinas e região v Veja mais oportunidades da região no G1 Campinas.
Veja Mais

18/05 - Unidade da Hyundai em Piracicaba abre processo seletivo para vagas de emprego
São sete vagas e as inscrições vão até o dia 31 de maio. Imagens da linha de produção da fábrica da Hyundai em Piracicaba Thomaz Fernandes/G1 A unidade da empresa Hyundai em Piracicaba (SP) está com sete vagas de emprego abertas. As oportunidades variam para áreas da produção e administrativa. De acordo com a empresa, os salários variam entre R$ 2 mil a R$ 8 mil. A previsão de contratação é para junho ou julho e os trabalhos para a área da produção serão presenciais, enquanto os da área administrativa são híbridas. Os interessados devem se candidatar pelo site Vagas até o dia 31 de Maio. Confira as oportunidades: Ajudante de Produção; Analista de Compras Técnicas Sênior; Analista de Compras Técnicas Pleno; Analista de Segurança Patrimonial Sênior; Especialista de Treinamento e Desenvolvimento; Técnico de Segurança do Trabalho (temporário); Encarregado de Manutenção de Solda. Região de Piracicaba: fique por dentro do que acontece nas cidades Veja mais notícias da região no G1 Piracicaba
Veja Mais

18/05 - PIB do Chile sobe 0,3% no primeiro trimestre, diz BC
O PIB ajustado sazonalmente entre janeiro e março subiu 3,2%, sustentado pelos serviços, principalmente os serviços pessoais e, em menor grau, os serviços empresariais e de transporte. O Produto Interno Bruto (PIB) do Chile cresceu 0,3% no primeiro trimestre, em meio a sinais iniciais de recuperação, embora ainda afetado pelas restrições para enfrentar a pandemia do coronavírus, segundo dados divulgados nesta terça-feira (18) pelo banco central local. "Do ponto de vista da origem, destacou-se o aumento do comércio e, em menor escala, das atividades de agricultura e florestais e da indústria manufatureira", disse a autoridade monetária em relatório. Pessoas usam máscara contra a Covid-19 em um mercado de Santiago do Chile em foto de 1º de abril de 2021 Ivan Alvarado/Reuters/Arquivo "Compensaram parcialmente o resultado anterior as atividades de serviços e construção, que foram impactadas pelos efeitos da emergência sanitária associada à Covid-19, que influenciou a mobilidade das pessoas e o funcionamento normal dos estabelecimentos produtivos", acrescentou. O PIB ajustado sazonalmente entre janeiro e março subiu 3,2%, sustentado pelos serviços, principalmente os serviços pessoais e, em menor grau, os serviços empresariais e de transporte. Para este ano, o banco central projeta um crescimento econômico de entre 6% e 7%.
Veja Mais

18/05 - Governo vê alta em índice de correção e valor do salário mínimo pode subir mais em 2022
Em abril, governo divulgou a LDO de 2022 com salário mínimo no valor de R$ 1.147,00. Porém, com nova estimativa para o INPC, valor chegaria a R$ 1.155,55 no ano que vem. A Secretaria de Política Econômica (SPE) do Ministério da Economia informou nesta terça-feira (18) que elevou de 4,27% para 5,05% a estimativa de inflação de 2021 medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). O INPC é o índice usado pelo governo para a correção anual do salário mínimo. Se esse aumento se confirmar e não houver mudança no cálculo, o reajuste do mínimo de 2022 também será maior. Atualmente, o salário mínimo está em R$ 1.100. Em abril, o governo divulgou a Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2022 em que prevê alta de 4,27% para o INPC neste ano, o que levaria a uma correção do mínimo para R$ 1.147 no ano que vem. Entretanto, se a nova previsão do governo, de alta de 5,05% no INPC neste ano, se confirmar, o salário mínimo subiria para R$ 1.155,55 em 2022. Governo publica MP e define salário mínimo de R$ 1.100 em 2021 Abaixo da inflação De acordo com informações do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), o salário mínimo serve de referência para 50 milhões de pessoas no Brasil, das quais 24 milhões de beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A Constituição determina que o salário mínimo tem de ser corrigido, ao menos, pela variação do INPC do ano anterior. Em 2021, porém, o salário mínimo de R$ 1.100 não repôs a inflação do ano passado. A correção aplicada pelo governo foi de 5,26%, mas a inflação medida pelo INPC somou 5,45% no ano passado. Para que não houvesse perda de poder de compra, o valor do salário mínimo deveria ter sido reajustado para R$ 1.101,95 neste ano. O valor para o salário mínimo de 2022 pode sofrer novas alterações no decorrer deste ano, com base nas projeções de inflação para o ano de 2021 (utilizadas como parâmetro para correção). Sem aumento real No projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO) enviado pelo governo ao Congresso este ano, está prevista a correção do salário mínimo apenas pela inflação em 2022, com base na estimativa do INPC deste ano. Se isso for cumprido, não haverá "ganho real", ou seja, o poder de compra de quem recebe salário mínimo permanecerá inalterado. Esse formato já foi adotado em 2020 e 2021. Com isso, o governo mudou a política de aumentos reais (acima da inflação) que foi proposta pela presidente Dilma Rousseff e aprovada pelo Congresso. A política de reajustes pela inflação e variação do Produto Interno Bruto (PIB) vigorou de 2011 a 2019, mas nem sempre o salário mínimo subiu acima da inflação. Em 2017 e 2018, por exemplo, foi concedido o reajuste somente com base na inflação porque o PIB dos anos anteriores (2015 e 2016) teve retração. Por isso, para cumprir a fórmula proposta, somente a inflação serviu de base para o aumento. Impacto nas contas públicas Ao conceder um reajuste maior para o salário mínimo, o governo federal também gasta mais. Isso porque os benefícios previdenciários não podem ser menores que o valor do mínimo. De acordo com cálculos do governo, a cada R$ 1 de aumento do salário mínimo cria-se uma despesa em 2020 de aproximadamente R$ 355 milhões. Assim, um reajuste R$ 8,55 maior para o salário mínimo em 2022 representaria uma queda de cerca de R$ 3 bilhões nas despesas criadas para o governo federal.
Veja Mais

18/05 - Bovespa tem leve alta e renova maior pontuação desde janeiro
Nesta terça-feira, o principal índice da bolsa avançou 0,03%, a 122.980 pontos. A bolsa de valores brasileira, a B3, teve leve alta nesta terça-feira (18), de olho no depoimento do ex-chanceler Ernesto Araújo à CPI da Covid, e diante de apostas de manutenção da taxa de juros nos Estados Unidos. O Ibovespa subiu 0,03%, a 122.980 pontos. A pontuação é a maior desde 14 de janeiro. Veja mais cotações. Na segunda-feira, a bolsa fechou em alta de 0,87%, a 122.937 pontos. Com o resultado de hoje, o índice acumula valorização de 3,44% no mês e de 3,33% no ano. Cenário Na cena política, as atenções do dia seguem voltadas para a CPI da Covid do Senado, que apura ações e omissões do governo federal durante a pandemia e fiscaliza eventuais desvios de recursos por parte de governadores e prefeitos. Nesta terça, os senadores ouvem o ex-ministro das Relações Internacionais, Ernesto Araújo. O ex-ministro das Relações Exteriores Ernesto Araújo afirmou que jamais promoveu nenhum "atrito" com a China. O ex-ministro foi questionado pelo relator da CPI, Renan Calheiros (MDB-AL), se a postura do governo brasileiro em relação à China tem prejudicado obtenção de vacinas e insumos para os imunizantes. O presidente da CPI da Covid, Omar Aziz chegou a interromper as perguntas para alertar o ex-ministro que ele deveria falar somente a verdade na CPI. CPI da Covid: compare o que disse Ernesto Araújo aos senadores com declarações anteriores do ex-ministro Projeções para o PIB melhoram, mas retomada depende de vacinação acelerada, dizem economistas Mais cedo, o Ministério da Economia elevou de 3,2% para 3,5% a expectativa de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2021. Para o ano de 2022, a previsão oficial de alta do PIB do governo federal foi mantida em 2,5%. Já as estimativas para a inflação foram elevadas de 4,42% para 5,05% em 2021. No cenário externo, a economia do Japão teve contração de 1,3% no primeiro trimestre devido à pandemia. Na Europa, foi confirmada recessão. Variação do Ibovespa em 2021 G1 Economia 1xVelocidade de reprodução0.5xNormal1.2x1.5x2x
Veja Mais

18/05 - INSS: auxílio-doença pedido pela internet não pode ser negado sem passar por perícia
Desde março, INSS concede o benefício só com análise documental, mas auxílio podia ser negado; nova regra exige que segurado passe por perícia presencial. Agência da Previdência Social; INSS Divulgação O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) definiu que o benefício de auxílio por incapacidade temporária (auxílio-doença), mediante apresentação de atestado médico e de documentos complementares pela internet, não poderá ser recusado sem a realização de perícia médica presencial. De acordo com a portaria, publicada na segunda-feira (17), será gerada uma pendência de necessidade de agendamento de perícia, em todos os casos em que a avaliação médica preliminar concluir pela necessidade da avaliação presencial. O beneficiário terá então 7 dias, a contar do aviso, para agendar a perícia presencial. Caso não o faça, o processo será arquivado, sem análise. Assim, ele poderá fazer o pedido novamente. O agendamento para realização da perícia médica presencial deverá ser realizado pelo segurado, através do serviço "Perícia Presencial por Indicação Médica", no Meu INSS. Além disso, o segurado que espera por perícia médica poderá se inscrever para uma nova análise documental - nesse caso, fica mantida a data do início do benefício em caso de ser concedido, e o pagamento será retroativo. No dia 30 de março, o presidente Jair Bolsonaro sancionou a lei 14.131/21, que autoriza o INSS a conceder o benefício de auxílio por incapacidade temporária até 31 de dezembro de 2021, mediante apresentação de atestado médico e de documentos complementares pela internet, sem necessidade de perícia médica presencial. Nesse caso, o auxílio-doença é concedido por um tempo máximo de 90 dias, sem prorrogação. Caso o trabalhador necessite do benefício por um período maior, terá que realizar um novo requerimento. Ou seja, terá que ingressar com um novo pedido com atestado médico e laudo que comprovem a incapacidade temporária. Veja abaixo o tira-dúvidas divulgado pelo INSS: Qual benefício poderá ser requerido com análise documental, sem que o segurado passe por perícia médica presencial? Auxílio por incapacidade temporária, o antigo auxílio-doença. Em que casos o cidadão terá direito a essa nova modalidade? A nova modalidade é oferecida às pessoas que residam em localidade em que a agência do INSS não disponha do serviço de perícia médica, seja por restrições determinadas pelas autoridades locais, seja pela quantidade insuficiente de peritos. Também é oferecida a quem residir em localidade em que o agendamento de perícia médica tenha tempo de espera maior que 60 dias. O cidadão deverá cumprir os demais requisitos para obtenção do auxílio, como carência e qualidade de segurado. Como a pessoa faz para saber se tem o serviço de perícia médica na localidade em que reside ou se o tempo de espera está acima de 60 dias? No momento do agendamento da perícia pelo Meu INSS ou pelo telefone 135, o cidadão será informado de que o pedido do benefício passará por análise documental, sem realização de perícia médica presencial. A informação será dada com base no CEP de residência do cidadão. O sistema vai identificar se há agências com perícia presencial na localidade ou se ele deverá enviar documentos médicos. Como ele solicita o benefício com análise documental? Quando não é possível a realização de perícia presencial, tanto o atendente do telefone 135 quanto o Meu INSS vão indicar que o requerimento deve ser feito por análise documental. Pelo 135, o atendente orienta o cidadão a requerer pelo Meu INSS, seja pelo aplicativo para celular ou pelo site gov.br/meuinss. No momento do requerimento, deverão ser anexados o atestado, os documentos complementares, com indicação da data estimada do início dos sintomas da doença e declaração de responsabilidade quanto à sua veracidade. O resultado satisfatório do requerimento por meio da análise documental depende da qualidade dos documentos que o segurado enviar. Quem já tem perícia marcada poderá se beneficiar dessa nova modalidade? Sim, mas somente se residir em localidade em que o agendamento de perícia médica tenha tempo de espera maior que 60 dias ou em que a agência do INSS não esteja oferecendo o serviço de perícia médica devido a restrições determinadas pelas autoridades locais. Trata-se da continuidade da antecipação do benefício, como o governo fez ano passado? Não, pois, dessa vez, o benefício, se reconhecido, será definitivo e pago no valor total a que o segurado tem direito. No ano passado, havia apenas a antecipação do valor de um salário mínimo. Desta vez, há ainda a necessidade de apresentar mais documentos médicos, além do atestado. Quais documentos precisam ser apresentados? Além do atestado médico e de um documento de identificação, deverão ser apresentados documentos médicos complementares que comprovem a doença informada no atestado como causa da incapacidade para o trabalho, como exames, laudos e relatórios, por exemplo. O atestado deve estar legível, sem rasuras, com identificação, CRM e assinatura do médico, e deve conter informações sobre a doença, preferencialmente com CID, e o período estimado de repouso necessário. Como o segurado fica sabendo do resultado da análise documental? O cidadão consegue saber do resultado através do Meu INSS ou da Central 135. Para ver o resultado da análise documental, é necessário que o cidadão acesse o Meu INSS com login e senha. Se o benefício for indeferido, qual o procedimento que o segurado deve adotar? O auxílio por incapacidade temporária com análise documental não será indeferido sem prévia realização de perícia médica presencial. Nesta situação, o segurado será orientado a efetuar o agendamento para realização da perícia médica presencial, através do serviço "Perícia Presencial por Indicação Médica". Se o segurado tiver algum problema no cadastro dele, deverá fazer o acerto antes da análise documental? Será automático ou ele terá que ligar para o 135? Essa opção será disponibilizada no Meu INSS? Se o cidadão tiver algum problema que impeça o pedido do auxílio por incapacidade temporária com análise documental, ele deverá efetuar a solicitação do serviço Acertos para Marcação de Perícia Médica, que é realizado exclusivamente pelo 135. Não havendo qualquer impedimento, o cidadão deve efetuar o requerimento pelo Meu INSS e, se houver qualquer pendência identificada posteriormente, a solicitação de documentos ou informações será realizada pelo INSS. Há um prazo máximo em que o INSS vai pagar o benefício concedido dessa forma? Sim, até 90 dias. Caso o segurado fique incapacitado por um período mais longo, precisará dar entrada em um novo requerimento. O trabalhador poderá ser convocado para perícia médica presencial? Sim, a critério da Perícia Médica Federal. Nesses casos, o INSS irá notificá-lo sobre a necessidade de agendar o serviço. Até quando o INSS poderá conceder o auxílio nessa nova modalidade? Até 31 de dezembro de 2021. Essa análise documental será feita pelo perito ou por processamento automático? Os documentos médicos anexados ao requerimento serão analisados pela Perícia Médica Federal.
Veja Mais

18/05 - Governo eleva de 3,2% para 3,5% estimativa de alta do PIB em 2021 e vê inflação mais alta
Expectativa de inflação subiu de 4,42% para 5,05%, valor próximo ao teto de 5,25% do sistema de metas. Informações foram divulgadas no Boletim Macrofiscal. O Ministério da Economia elevou de 3,2% para 3,5% a expectativa de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2021. A informação foi divulgada nesta terça-feira (18) pela Secretaria de Política Econômica da pasta, por meio do Boletim Macrofiscal. O PIB é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país e serve para medir a evolução da economia. Para o ano de 2022, a previsão oficial de alta do PIB do governo federal foi mantida em 2,5%. As expectativas para o nível de atividade foram feitas em meio à pandemia de Covid-19. Nos primeiros meses deste ano, o número de contaminados subiu, assim como as mortes, caracterizando uma segunda onda no país. "Deve-se salientar que a incerteza nas estimativas atuais ainda permanece significativamente elevada. Ademais, as projeções da atividade para este e para os próximos anos tornam-se particularmente sensíveis à divulgação dos dados e ao desenrolar dos efeitos da Covid-19 e do processo de vacinação, principalmente considerando os seus efeitos no PIB de longo prazo", informou o Ministério da Economia. A expectativa do mercado financeiro, apurada na semana passada, é de que o PIB tenha uma alta de 3,45% em 2021. Em março, o BC estimou um alta de 3,6% para o nível de atividade neste ano. Na semana passada, avaliou que o segundo semestre do ano deve mostrar uma "retomada robusta da atividade". Em 2020, a economia brasileira registrou um tombo de 4,1%, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Esse foi o maior recuo anual da série iniciada em 1996. Economia mundial Segundo o Ministério da Economia, apesar da maior divergência na expectativa de crescimento entre os países, há melhora do PIB global, puxada pelos países desenvolvidos. Os bons resultados da atividade brasileira no começo deste ano, de acordo com o ministério, indicam que a economia manteve a tendência de crescimento, apesar do fim do auxílio emergencial. "O cenário global mais favorável, embora ainda incerto, afetará positivamente o Brasil ao longo de 2021. Os indicadores econômicos no primeiro bimestre deste ano mostram que a atividade brasileira, a despeito do fim do auxílio emergencial, permaneceu em trajetória de elevação", informou. "Dessa forma, a manutenção da agenda de consolidação fiscal e das reformas estruturais possibilitarão que a continuidade da expansão econômica se mantenha, assim como a redução estrutural da taxa de juros e elevação da produtividade", acrescentou. Alta da inflação Para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a inflação oficial do país, o Ministério da Economia elevou sua projeção de 4,42% para 5,05% em 2021. A expectativa de inflação do mercado continua acima da meta central definida para este ano, de 3,75%. Entretanto, pelo sistema em vigor no país não haverá descumprimento da meta se a inflação oscilar entre 2,25% e 5,25% em 2021. A meta de inflação é fixada pelo Conselho Monetário Nacional (CMN). Para alcançá-la, o Banco Central eleva ou reduz a taxa básica de juros da economia (Selic). A previsão da Secretaria de Política Econômica para a inflação está abaixo da estimativa do mercado financeiro - de uma alta de 5,15% em 2021. Para 2022, a estimativa do Ministério da Economia para a inflação permaneceu em 3,5%. No ano que vem, a meta central de inflação é de 3,50% e será oficialmente cumprida se o índice oscilar de 2% a 5%. Vacinação e reformas Segundo o secretário de Política Econômica do Ministério da Economia, Adolfo Sachsida, o processo de vacinação em massa da população brasileira é importante para estimular a economia e aumentar a taxa de emprego. “A melhor política econômica hoje é a vacinação em massa. Precisamos vacinar rapidamente a população para garantir o retorno seguro ao trabalho”, declarou. De acordo com o boletim macrofiscal, divulgado pelo Ministério da Economia, as restrições à mobilidade vão sendo reduzidas à medida que a vacinação avança e ocorre o retorno seguro às atividades de produção e consumo. O secretário Sachsida também voltou a defender o controle de gastos públicos, processo chamado de “consolidação fiscal”, que ele avaliou ser importante para a retomada econômica. “A consolidação fiscal não é uma questão ideológica, mas que tem importantes efeitos econômicos. Ancora expectativas, mantém trajetória de inflação sob controle, risco país fica sob controle, taxa de juros fica baixa, o investimento e emprego aumentam”, disse. Ele também defendeu a manutenção da agenda de reformas pró-mercado como forma de estimular a produtividade na economia brasileira, citando a nova lei de cabotagem, a autorização para ferrovias e a nova lei cambial, em discussão no Legislativo. VÍDEOS: assista a mais notícias sobre economia
Veja Mais

18/05 - Vacinação sustenta leve melhora da malha aérea em maio, diz Abear
Queda do tráfego desacelerou e média de partidas diárias chegou a 1.046, ou 43,4% da oferta no início de março de 2020, antes das medidas de bloqueio. A malha aérea doméstica brasileira tem registrado em maio sinais de leve retomada, afirmou a Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) em nota. No mês até segunda-feira (17) foram, na média, 1.046 partidas por dia ou o equivalente a 43,4% da oferta de voos na primeira semana de março de 2020, antes das medidas de isolamento social e fechamento de fronteiras por causa do novo coronavírus. Durante pandemia Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek, em Brasília, em imagem de arquivo Felipe Menezes/Inframerica/Divulgação O resultado mostra uma desaceleração da queda registrada em abril, quando foram operadas 854 decolagens diárias, ou 35,6% da oferta regular. O crescimento é de 7,8 pontos percentuais na comparação mensal. “Esse resultado mostra o reflexo positivo da vacinação para a leve recuperação da demanda por viagens aéreas domésticas na comparação de maio com abril. É importante lembrar, porém, que o severo impacto da pandemia na aviação ainda faz com que seja necessária a manutenção de medidas emergenciais para que possamos retomar a operação aérea de forma sustentável ao longo do tempo”, afirma o presidente da Abear, Eduardo Sanovicz. A partir de maio de 2020, as empresas aéreas nacionais começaram a registrar uma retomada gradual da operação, alcançando o pico de 1.798 decolagens diárias em janeiro de 2021, ou 75% da oferta diária de partidas em relação ao início de março de 2020. O agravamento da pandemia voltou a afetar a quantidade de voos em fevereiro, quando a média diária recuou para 1.469, o que equivale a 61,2% da malha aérea pré-crise. Em março deste ano, a oferta diária de voos domésticos teve novo recuo, com 1.177 decolagens, ou 49% da oferta regular de voos.
Veja Mais

18/05 - Dólar fecha em queda de 0,23%, de olho no cenário externo e na CPI da Covid
Nesta terça-feira (18), moeda norte-americana recuou 0,23%, cotada a R$ 5,2536. O dólar fechou em queda de 0,23%, cotado a R$ 5,2536, nesta terça-feira (18), diante da fraqueza global da moeda devido a apostas de manutenção de juros nos Estados Unidos e à CPI da Covid-19. No acumulado da semana, a moeda norte-americana registra recuo de 1,13%. Na parcial do mês, tem queda de 3,67%. No ano, a alta é de 3,56%. Veja mais cotações. Cenário Na cena política, as atenções do dia seguem voltadas para a CPI da Covid do Senado, que apura ações e omissões do governo federal durante a pandemia e fiscaliza eventuais desvios de recursos por parte de governadores e prefeitos. Nesta terça, os senadores devem ouvir o ex-ministro das Relações Internacionais, Ernesto Araújo. Saiba o que aconteceu na comissão até aqui. Mais cedo, o Ministério da Economia elevou de 3,2% para 3,5% a expectativa de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2021. Para o ano de 2022, a previsão oficial de alta do PIB do governo federal foi mantida em 2,5%. Já as estimativas para a inflação foram elevadas de 4,42% para 5,05% em 2021. Projeções para o PIB melhoram, mas retomada depende de vacinação acelerada, dizem economistas No cenário externo, a economia do Japão teve contração de 1,3% no primeiro trimestre devido à pandemia. Na Europa, foi confirmada recessão. CPI da Covid: entenda o que aconteceu até o momento e relembre CPIs marcantes Variação de dólar em 2021 G1 1xVelocidade de reprodução0.5xNormal1.2x1.5x2x
Veja Mais

18/05 - Argentina suspende exportações de carne bovina por 30 dias
Medida tem objetivo de reduzir o preço do alimento no mercado interno argentino, que subiu 65,3% em abril em um ano. Para as vendas que estão sendo feitas, serão acionados mecanismo de exceção. Ministério da Agricultura/Divulgação A Argentina suspendeu as vendas de carne ao exterior por 30 dias, enquanto define medidas de emergência para frear o aumento do preço no mercado interno, anunciou o governo argentino na segunda-feira (17). Os preços dos diferentes cortes de carne bovina aumentaram 65,3% em abril no país, na comparação com o mesmo mês em 2020, segundo o Instituto de Promoção da Carne Bovina Argentina (Ipcva). E o custo de vida no país avançou 46,3%, nos últimos 12 meses, segundo Instituto Nacional de Estatística e Censos da Argentina (Indec). Saiba por que a carne continua mais cara no Brasil O país é o quarto maior exportador de carne bovina do mundo, atrás do Brasil, Austrália e Índia. Em 2020, os argentinos venderam 819 mil toneladas a outros países. "Como consequência do aumento sustentado do preço da carne bovina no mercado interno, o governo decidiu adotar um conjunto de medidas para ordenar o funcionamento do setor, restringir práticas especulativas e evitar a sonegação fiscal no comércio exterior. Enquanto as medidas terminam de ser implementadas, as exportações de carne bovina serão limitadas durante 30 dias", afirmou a Presidência do país. Mecanismos de exceção serão habilitados para as vendas que estão em curso. A decisão foi comunicada pelo presidente Alberto Fernández aos representantes do setor exportador de carne reunidos na associação ABC, durante um encontro na Casa Rosada (sede do governo). Fernández já havia expressado preocupação com os aumentos dos preços no país, principalmente com os alimentos. "Estou muito preocupado com os aumentos dos preços, são inexplicáveis. Estou decidido a atacar este tema. Me preocupa muito, porque é inexplicável. Sinceramente, não há nenhuma razão, além do aumento do consumo, para explicar os aumentos que aconteceram em março e abril", declarou em uma entrevista no domingo ao canal C5N. O presidente afirmou que "celebra" o fato de o país exportar carne, mas lamentou que isto provoque o aumento do preço para os argentinos. Reação Em reação à medida, representantes da Mesa de Enlace, que representam as principais entidades do agro da Argentina, anunciaram que vão interromper a comercialização de seus produtos por uma semana. Em um comunicado, a associação anunciou "a interrupção da comercialização de todas as categorias de gado a partir da meia-noite de quinta-feira 20 de maio até as 24 horas de sexta-feira 28 de maio". Fernández justificou nesta terça-feira a decisão. "O tema da carne saiu de controle. O preço sobe mês a mês sem justificativa. Temos que colocar ordem". "Nós não podemos ver os preços aumentando sem nenhuma justificativa, ou seja, sobe o preço da carne e cai o consumo de carne", declarou o presidente à Rádio 10. Economia Em 2020, as exportações argentinas de carne e couro bovinos alcançaram US$ 3,368 bilhões, uma queda de 16,5% na comparação com 2019. Os principais destinos foram China, Alemanha e Israel, segundo o instituto de estatísticas do Instituto Nacional de Estatística e Censos da Argentina (Indec). Os argentinos consomem a média 49,2 quilos de carne bovina por ano, contra o pico de 69,3 quilos registrado em abril de 2009, segundo a Câmara de Indústria e Comércio de Carnes. A Argentina tem uma das inflações mais elevadas do mundo: em abril, o índice atingiu 4,1% e acumulou 17,6% nos primeiros quatro meses do ano, de acordo com o Indec. O avanço da inflação reforça a impressão de que o governo terá muitas dificuldades para cumprir a meta inflacionária de 29% por ano calculada na Lei de Orçamento. Para enfrentar os efeitos econômicos do longo confinamento de 2020, o governo aprovou um grande programa de ajudas, que implicou uma elevada emissão monetária. As exportações agrícolas representam a maior fonte de divisas do país. A Argentina enfrenta uma recessão pelo terceiro ano consecutivo, agravada em 2020 pela pandemia da covid-19, que provocou uma queda de 9,9% do Produto Interno Bruto (PIB). A pobreza alcança 42% da população. Em uma primeira reação, as organizações da chamada "Mesa de Enlace del Campo" criticaram a medida do governo. "Vamos nos reunir de maneira imediata para exercer uma rejeição total a esta medida nefasta", afirmou Daniel Peregrina, presidente da Sociedade Rural Argentina, que reúne grandes produtores. Marfrig Após o anúncio da medida, a brasileira Marfrig, líder global em produção de carne bovina, disse que suas operações na Argentina representaram 3,2% da receita líquida consolidada no primeiro trimestre, conforme destacou a agência de notícias Reuters. "Assim sendo, o impacto direto desta restrição se limita a 1,3% da receita líquida consolidada, representada pelas exportações argentinas no período", afirmou a companhia em comunicado ao mercado, nesta terça-feira. VÍDEO: Entenda em 5 pontos por que a carne está cara no Brasil Carne está mais cara: entenda por que em 5 pontos
Veja Mais

18/05 - Veja as vagas de emprego em Petrolina, Araripina e Salgueiro nesta terça
Os interessados nas oportunidades podem entrar em contato com a Seteq através da internet. As oportunidades são disponibilizadas pela Agência do Trabalho de Pernambuco Beatriz Braga/G1 Petrolina Foram divulgadas as vagas de emprego disponíveis nesta terça-feira (18) em Petrolina, Araripina e Salgueiro, no Sertão de Pernambuco. As oportunidades são disponibilizadas pela Agência do Trabalho de Pernambuco e atualizadas no G1 Petrolina. Os interessados nas oportunidades podem entrar em contato com a Seteq através da internet. O atendimento na Agência do Trabalho ocorre apenas com agendamento prévio, feito tanto pelo site da secretaria, quanto pelo Portal Cidadão. Petrolina Contato: (87) 3866 - 6540 Vagas disponíveis Salgueiro Contato: (87) 3871-8467 Vagas disponíveis Araripina Contato: (87) 3873 - 8381 Vagas disponíveis Vídeos: mais assistidos do Sertão de PE
Veja Mais

18/05 - Trabalhar 'demais' mata 745 mil pessoas por ano no mundo, revela estudo
Brasil está entre países que têm até 4% da população exposta a longas jornadas. Trabalhar 'demais' mata 745 mil pessoas por ano no mundo, revela estudo GETTY IMAGES via BBC Jornadas de trabalho excessivas estão matando milhares de pessoas por ano, de acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde). O primeiro estudo global do tipo revela que 745 mil pessoas morreram em 2016 de derrame e doenças cardíacas relacionadas a longas horas de trabalho. O relatório mostra que as pessoas que vivem no Sudeste Asiático e na região do Pacífico Ocidental são as mais afetadas. E a OMS avalia que a tendência pode piorar devido à pandemia do coronavírus. O Brasil está na faixa de países que têm até 4% da população exposta a longas jornadas de trabalho (55 horas ou mais por semana). Isso coloca o país entre os menos afetados por jornadas exaustivas do mundo - nos países onde o problema é mais grave, esse percentual chega a atingir mais de 33% da população. A pesquisa descobriu que trabalhar 55 horas ou mais por semana está associado a um risco 35% maior de AVC (acidente vascular cerebral) e 17% maior de morrer de doença cardíaca, em comparação com uma semana de 35 a 40 horas de trabalho. O estudo, realizado em parceria com a OIT (Organização Internacional do Trabalho), também mostrou que quase três quartos dos que morreram em consequência de longas jornadas de trabalho eram homens de meia-idade ou mais velhos. Frequentemente, as mortes ocorreram muito mais tarde na vida, às vezes décadas depois, do que o período em que foram realizadas as longas horas de trabalho. 'Não vou mais passar o dia todo no Zoom' Semanas atrás, um post no LinkedIn de Jonathan Frostick, de 45 anos, ganhou ampla repercussão. Ele descreveu como teve uma revelação quanto ao problema das longas jornadas. O gerente de regulação no banco britânico HSBC havia acabado de se sentar numa tarde de domingo para se preparar para a semana de trabalho à frente, quando sentiu um aperto no peito, uma palpitação na garganta, mandíbula e braço, além de dificuldade para respirar. "Fui para o quarto para me deitar e chamei a atenção da minha esposa, que ligou para o 999 [equivalente no Reino Unido ao 192 brasileiro, número que deve ser chamado para emergências médicas]", disse ele. Enquanto se recuperava de um ataque cardíaco, Frostick decidiu mudar sua relação com o trabalho. "Não estou mais passando o dia todo no Zoom", diz ele. A postagem chegou a centenas de leitores, que compartilharam suas experiências de excesso de trabalho e o impacto disso em sua saúde. Frostick não culpa seu empregador pelas longas horas de trabalho, mas uma das pessoas que respondeu ao seu post escreveu: "As empresas continuam a levar as pessoas ao limite, sem se preocupar com seu bem-estar pessoal." O HSBC disse que todos no banco desejam a Frostick uma recuperação plena e rápida. "Reconhecemos a importância da saúde e do bem-estar pessoal e de um bom equilíbrio entre a vida pessoal e profissional. No último ano, redobramos nossos esforços em saúde e bem-estar", afirmou o banco. "As respostas a essa postagem mostram o quanto o assunto preocupa as pessoas e estamos encorajando todos a fazerem de sua saúde e bem-estar uma prioridade máxima." Embora o estudo da OMS não cubra o período da pandemia, especialistas da organização afirmam que o recente avanço do trabalho remoto e a desaceleração econômica podem ter aumentado os riscos associados às longas jornadas de trabalho. Andrew Falls diz que ser enviado para trabalhos longe de casa com pouca antecedência aumentou a pressão de seu trabalho Natalie Falls "Temos algumas evidências que mostram que, quando os países entram em lockdown nacional, o número de horas trabalhadas aumenta em cerca de 10%", diz o técnico da OMS, Frank Pega. Segundo o relatório, calcula-se que as longas jornadas sejam responsáveis por cerca de um terço de todas as doenças relacionadas ao trabalho, representando o maior peso entre as doenças ocupacionais. Os pesquisadores afirmam que há duas maneiras pelas quais as longas jornadas de trabalho levam a piores resultados de saúde. Primeiro, por meio das respostas fisiológicas diretas ao estresse. E segundo, porque jornadas mais longas resultam em que os trabalhadores se tornem mais propensos a adotar comportamentos prejudiciais à saúde, como uso de tabaco e álcool, menos horas de sono e exercício, e uma dieta pouco saudável. Andrew Falls, de 32 anos e engenheiro de campo em Leeds, na Inglaterra, afirma que as longas horas de trabalho em seu emprego anterior afetaram sua saúde mental e física. "Cinquenta a 55 horas por semana eram a regra. Eu também ficava fora de casa por semanas a fio." "Estresse, depressão, ansiedade", relata. "Eu estava num estado constante de abatimento." Depois de cinco anos, ele deixou o emprego para recomeçar como engenheiro de software. O número de pessoas trabalhando longas jornadas estava aumentando antes da chegada da pandemia, de acordo com a OMS, e era de cerca de 9% da população global total. No Reino Unido, o Instituto Nacional de Estatísticas Britânico (ONS, na sigla em inglês) mostrou que as pessoas que estavam trabalhando em casa durante a pandemia fazem uma média de seis horas extras não remuneradas por semana. As pessoas que não trabalhavam em casa fazem em média 3,6 horas extras semanais, segundo o ONS.
Veja Mais

18/05 - Tira dúvidas do IR 2021: pendências, ETF, aluguel
Especialista em imposto de renda da consultoria EY, Antonio Gil, vai responder todas as semanas, durante todo o prazo de declaração, a 15 perguntas dos leitores. O prazo para fazer a declaração do Imposto de Renda 202 está chegado ao fim – mas os contribuintes seguem com dúvidas sobre o preenchimento do documento. Para ajudar nessa tarefa, a pedido do G1, o especialista em imposto de renda da consultoria EY, Antonio Gil, vai responder todas as semanas, durante todo o prazo de declaração, a 15 perguntas dos leitores. Serão 3 perguntas por dia, de segunda a sexta. Tem alguma dúvida? Mande sua pergunta e veja as já respondidas SAIBA TUDO SOBRE O IMPOSTO DE RENDA 2021 1) Pergunta: Um aposentado por invalidez que nunca declarou imposto está com CPF com pendência informando falta de declaração do ano anterior. No seu extrato de rendimento não tem desconto de IR – ele tem mais de 65 anos e rendimentos anuais de R$ 35.000.00. Não tem bens fora um veículo. Ele não seria isento? (Fernanda Ribeiro dos Santos) Resposta: Você deverá verificar junto à Receita Federal o motivo que está causando a obrigatoriedade de entrega da declaração anual de imposto de renda. Note que há vários quesitos a serem verificados. É importante portanto verificar se contribuinte não se enquadrou dentro das demais regras de obrigatoriedade da Receita Federal (clique aqui para conferir as regras) 2) Pergunta: Venda de até R$ 20 mil em ações tem isenção de IR sobre o lucro. Se em um determinado mês vendi R$ 21 mil entre ações e ETF, perco a isenção? Sendo que a venda de ações foi R$ 18 mil e ETF R$ 3 mil (João Luiz Miranda Naibert) Resposta: Não, os valores transacionados com ETFs não são considerados para o limite da isenção. Conforme disposto pela Receita Federal, são isentos os ganhos líquidos recebidos por pessoa física quando o total das vendas de ações no mercado à vista não exceder R$ 20.000,00 no mês, exceto em operações de day trade, negociação de cotas dos fundos de investimento em índices de ações, dentre outras. Ou seja, a isenção de vendas inferiores à R$ 20.000,00 não se aplica às cotas de ETF e, dessa forma, qualquer lucro recebido na venda de cotas de ETF estará sujeito à tributação. 3) Pergunta: Tenho um apartamento alugado e em 3 meses de 2020 autorizei o inquilino a não pagar o aluguel (por bonificação). Contudo, a administradora cobrou normalmente a comissão. Assim, no informe anual, nesses 3 meses constou o rendimento líquido negativo. Posso declarar esse rendimento negativo? (Diamantino Antunes) Resposta: Os valores deverão ser reportados de acordo com o Informe de Rendimentos emitido pela imobiliária ou administradora. Entretanto, não é possível declarar valores negativos. Nos meses em que não houve recebimento do aluguel, o valor deverá ser zero, considerando que o recebimento tenha sido recebido por pessoa física. Na hipótese do locatário ser pessoa jurídica, os valores devem ser declarados de acordo com o Informe de Rendimentos emitidos pela empresa. Note, ainda, que tais negociações devem ser formalizadas para que, se verificado o contrato de locação, possa ser justificado que em três meses de 2020 não houve recebimento de aluguel. Assista as últimas notícias sobre o Imposto de Renda d
Veja Mais

18/05 - Antivírus e segurança no celular: entenda como funcionam as pastas seguras ou 'cofres'
Pastas especiais podem aumentar o sigilo de arquivos de uso infrequente, mas limitações técnicas impedem a proteção efetiva de aplicativo e reforçam a necessidade do bloqueio de tela. Se você tem alguma dúvida sobre segurança da informação (antivírus, invasões, cibercrime, roubo de dados etc.), envie um e-mail para g1seguranca@globomail.com. A coluna responde perguntas deixadas por leitores às terças e quintas-feiras. Proteção do celular depende do bloqueio de tela, mas opções para criação de 'pastas seguras' também existem. Altieres Rohr/G1 Gostaria de saber se existe algum antivírus ou programa pago, para que o celular fique inacessível, como um "cofre" em caso de roubo? Às vezes, com o celular sem Internet, não é possível apagar os dados. – Andreza Mendes A função que faz isso, Andreza, é o bloqueio de tela do celular aliado à criptografia do armazenamento do telefone. Todos os smartphones atuais devem sair de fábrica com a criptografia de armazenamento ligada. Com esse recurso, a memória do telefone está sempre "embaralhada", e a chave que libera o segredo para decifrar os dados é obtida com o desbloqueio da tela. Sem o bloqueio de tela para liberar a chave, os dados não podem ser acessados nem mesmo com a leitura direta da memória instalada na placa lógica do celular. Em aparelhos mais antigos, a criptografia pode estar desligada ou indisponível. Você pode conferir se a criptografia está ligada no aplicativo de configurações do Android, em "Segurança > Criptografia e credenciais". No iPhone e em alguns aparelhos com Android, você também pode ligar uma opção que remove todos os arquivos do aparelho automaticamente caso alguém realize diversas tentativas de desbloqueio sem sucesso. Embora seja útil em caso de roubo, essa opção tem uma desvantagem: qualquer pessoa pode pegar o seu aparelho e acionar o mecanismo de limpeza realizando diversas tentativas de desbloqueio, o que pode acontecer até por acidente. De todo modo, se você tem um aparelho mais novo e com a criptografia ativada, você já tem esse "cofre". Basta que você use uma boa senha de bloqueio. É possível adicionar uma segurança maior para limitar o acesso a alguns arquivos de sua escolha, mas você isso terá um custo para sua conveniência. Celular roubado ou perdido: o que você deve fazer para proteger seus dados ou até recuperar seu aparelho Equilíbrio entre segurança e conveniência Existem aplicativos que podem fornecer um "cofre" para guardar informações específicas, escolhidas a dedo por você. Alguns antivírus têm sim esse recurso, mas ele não precisa estar atrelado a esse tipo de software. Opção de 'Pasta segura' em aplicativo Files do Google. Reprodução No Android, a escolha mais óbvia seria o Files do Google, que pode ser usado para criar uma "pasta segura". Também há fabricantes que incluem essa funcionalidade nos apps personalizados integrados ao sistema. No iPhone, você terá que procurar um aplicativo de terceiros para essa função. É importante verificar se o app realmente utiliza criptografia para funcionar para que a proteção seja efetiva. O Files do Google permite que você configure um PIN ou um padrão diferente daquele que você usa para desbloquear a tela do seu celular. Assim, mesmo que alguém obrigue você a revelar sua senha com alguma ameaça, a proteção do Files será diferente. O OneDrive, da Microsoft, possui um recurso semelhante em nuvem, chamado "Cofre Pessoal". Nesse caso, os arquivos não ficam no dispositivo após o uso. Cofre Pessoal do OneDrive replica ideia de 'pasta segura', mas com armazenamento em nuvem. Reprodução Infelizmente, não é viável usar esse tipo de cofre para todos os arquivos. Apps não podem funcionar sem acesso ao armazenamento, e nem todos os apps guardam arquivos da mesma forma ou nos mesmos locais. Por isso, não é simples proteger apps inteiros de maneira eficaz. Como você precisa de acesso aos arquivos para usar o celular na sua rotina, esses dados sempre ficarão mais "expostos", no sentido de que alguém pode retirar o aparelho da sua mão para ter acesso a eles. É por isso que o bloqueio de tela é a barreira principal para evitar o acesso indevido: ela está sempre ativada. Outras proteções, como esses "cofres" e pastas seguras, atuam com a premissa de que é possível limitar o acesso a certos dados sensíveis porque você não os acessa com frequência. Celular é a nova carteira: veja dicas para manter seu aparelho seguro Senhas 'de fachada' Aplicativos que exigem root ou permissões excessivas para supostamente restringir os dados de outros aplicativos podem acabar criando um ponto de vulnerabilidade. Isso é especialmente comum no iOS, em que alguns apps com essa funcionalidade só funcionam em celulares com "jailbreak" – ou seja, aqueles que já tiveram sua segurança comprometida. Por isso, tenha muito cuidado com aplicativos de segurança que prometem o impossível. É fácil criar uma tela que exija uma senha para bloquear apps ou dados. Mas ela poderá ser burlada se não houver uma criptografia para sustentar essa proteção. Às vezes, essas proteções de fachada são suficientes para enganar um ladrão ou atacante menos atento. Nesse sentido, pode ser que até mecanismos "fajutos" tenham utilidade para você. Contudo, é importante entender o que você está usando e as limitações da abordagem escolhida. No caso do bloqueio simples de aplicativos, muitos podem ser burlados facilmente com o "modo de segurança" do Android. Ou seja, se alguém sabe como desbloquear o seu telefone, essa pessoa poderá reiniciar o telefone no modo especial que desativa apps não essenciais e desligar seu app de segurança. Se um aplicativo que você usa tiver uma opção própria para impedir acesso aos dados, você deve dar preferência a ela antes de usar apps de terceiros. O ideal, Andreza, é o que você já sabe: em caso de extravio, deve-se apagar os dados do celular remotamente o quanto antes. Se isso não for possível, você dependerá do bloqueio de tela e de outras proteções que, por estarem sempre ativas, vão prejudicar a sua rotina com o celular. Vale lembrar que, assim como alguns antivírus possuem recursos para proteger arquivos, também é possível que eles tenham mecanismos alternativos para proteger o celular em caso de roubo, que podem complementar, ao menos parcialmente, o que é oferecido pelo sistema. Dúvidas sobre segurança digital? Envie um e-mail para g1seguranca@globomail.com Veja dicas para se manter seguro on-line
Veja Mais

18/05 - Lojas dos shoppings de Mogi e Suzano reúnem 11 oportunidades para quem busca emprego nesta terça; veja lista
Interessados devem entregar o currículo diretamente na loja ou no SAC. Lojas dos shoppings de Mogi e Suzano reúnem 11 oportunidades para quem busca emprego Willian Ruiz/TV Diário As lojas dos shoppings de Mogi das Cruzes e Suzano reúnem 11 oportunidades de emprego nesta terça-feira (18). Os candidatos devem acessar os estabelecimentos de acordo com o descritivo ou procurar pessoalmente o Balcão de Informações. Vagas em Mogi das Cruzes As oportunidades disponíveis são para a área de vendas e estoque. Vagas de emprego no shopping de Mogi das Cruzes O SAC (Serviço de Atendimento ao Cliente) está à disposição dos candidatos para informações, em frente à C&A. O Mogi Shopping fica na Avenida Vereador Narciso Yague Guimarães, 1001 e funciona das 10h às 21h. Para mais informações o telefone é 4798-8800. Vagas em Suzano As oportunidades disponíveis são para cozinheiro e chapeiro. Vagas de emprego no shopping de Suzano As vagas também estão disponíveis no site. Para mais informações o telefone é 2500-7940. Assista a mais notícias
Veja Mais

18/05 - Zona do euro tem recessão confirmada no 1º trimestre
PIB da região teve contração de 0,6% nos 3 primeiros meses do ano, após queda de 0,7% no 4º trimstre. Número de pessoas empregadas também caiu no 1º trimestre. A economia dos 19 países que fazem parte da zona do euro caiu 0,6% no primeiro trimestre deste ano, na comparação com os três meses anteriores, segundo dados divulgados nesta terça-feira (18) pela Eurostat, a agência oficial de estatísticas do bloco. Os números confirmam a estimativa anterior, divulgada no final de abril. A queda vem após uma retração de 0,7% no 4º trimestre, o que confirmou a entrada da região em uma nova recessão técnica – caracterizada por dois trimestre consecutivos de contração da economia. A zona do euro está em sua segunda recessão técnica desde que a pandemia de Covid-19 começou. PIB da zona do euro Economia/G1 Já incluindo todos os países da União Europeia (UE), a queda foi confirmada em 0,4% no 1º trimestre, após recuo de 0,5% no 4º trimestre do ano passado. O Produto Interno Bruto caiu em todos os maiores países com exceção da França, que teve crescimento de 0,4%. Na comparação com o primeiro trimestre do ano passado, a queda foi de 1,8% na zona do euro de de 1,7% na UE. Emprego também em queda Já o número de pessoas empregadas caiu 0,3% tanto na zona do euro quanto no conjunto dos 28 países que fazem parte da União Europeia. No 4º trimestre, o emprego havia crescido 0,4% nos dois conjuntos, também na comparação com os três meses anteriores. Na comparação com o primeiro trimestre do ano passado, a queda foi de 2,1% na zona do euro e de 1,8% na UE. Em divulgação separada, a Eurostat mostrou també, que o superávit comercial com o resto do mundo caiu a 15,8 bilhões de euros em março, de 29,9 bilhões em março de 2020. Ajustado para variações sazonais, o superávit comercial da zona do euro foi de 13,0 bilhões de euros em março contra 23,1 bilhões em fevereiro, uma vez que as exportações caíram 0,3% e as importações subiram 5,6%. Nesta terça, as bolsas da Europa operavam em alta, em meio ao otimismo sobre a flexibilização de restrições econômicas em vários países, queda da taxa de desemprego no Reino Unido e fortes balanços das empresas. Na Europa, museus reabrem no Vaticano e na França
Veja Mais

18/05 - Economia japonesa tem contração de 1,3% no 1º trimestre devido à pandemia
Governo declarou estado de emergência em várias cidades em janeiro, o que afetou o consumo e o crescimento, A economia do Japão sofreu uma contração de 1,3% no primeiro trimestre do ano, depois que o governo voltou a impor restrições às principais cidades para conter um novo surto de coronavírus, de acordo com dados divulgados nesta terça-feira (18). A queda veio depois que a terceira maior economia do mundo cresceu dois trimestres consecutivos, até dezembro, mas a expansão foi desacelerada por um aumento nas infecções de Covid-19. Variação trimestral do PIB do Japão Economia G1 O governo declarou estado de emergência em várias cidades em janeiro, instando as pessoas a ficarem em casa, o que afetou o consumo e o crescimento, apesar da relativa força do setor manufatureiro. "O consumo pessoal foi atingido de maneira especialmente dura pelas medidas de emergência contra a covid-19", explicou Naoya Oshikubo, economista da SuMi TRUST, em uma análise anterior à divulgação dos dados oficiais. O especialista acrescentou que é esperada uma recuperação no investimento de capital privado, uma vez que a indústria manufatureira continua forte. Em termos anualizados, a economia encolheu 5,1% no primeiro trimestre, mais do que a expectativa de contração de 4,6% e após salto de 11,6% no trimestre anterior. Em 2020, o PIB do Japão tombou 4,8%. Economistas alertam que o Japão possa encolher de novo no trimestre atual e voltar à recessão, já que o governo impôs este mês um terceiro estado de emergência em várias partes do país, incluindo nos motores econômicos de Tóquio e Osaka. "A escassez global de chips provocou uma desaceleração nas exportações, pesando sobre os gastos de capital também", disse Yoshimasa Maruyama, economista-chefe de mercado do SMBC Nikko Securities.. O cenário sofreu complicações devido ao processo de vacinação relativamente lento no Japão, informou Marcel Thieliant, economista para o Japão da Capital Economics. "Com o agravamento da situação médica e a lenta aplicação de vacinas, vai demorar até o final do ano para que a economia volte ao nível pré-viral", continuou Thieliant em nota. O Japão sediará os Jogos Olímpicos de 23 de julho a 8 de agosto, embora a maioria da população se oponha à realização do evento esportivo devido à situação sanitária. A menos de três meses das Olimpíadas, Japão faz teste para maratona
Veja Mais

18/05 - 15 empresas abrem vagas de emprego, estágio e trainee; veja lista
Itaú Unibanco, Qualicorp, Mobills, Nagro, GetNinjas, HeroSpark, Deel, RoutEasy, Gestão 4.0, Estratégia Concursos, Positiv.a, Fala Criativa, Trizy, Juntos Somos Mais e Banco Pan são as empresas com seleções abertas. As empresas Itaú Unibanco, Qualicorp, Mobills, Nagro, GetNinjas, HeroSpark, Deel, RoutEasy, Gestão 4.0, Estratégia Concursos, Positiv.a, Fala Criativa, Trizy, Juntos Somos Mais e Banco Pan estão com vagas de emprego, estágio e trainee abertas. Veja abaixo detalhes dos processos seletivos. Veja mais vagas de emprego pelo país Itaú Unibanco O Itaú Unibanco está com vagas de estágio abertas exclusivamente para pessoas com deficiência (PCD). São 10 vagas para trabalhar na área de Operações do banco, em São Paulo. Podem se inscrever estudantes de todos os cursos que estejam no penúltimo ou último ano da faculdade no período entre 17 e 31 de maio – por este site. Durante o processo seletivo, será necessário anexar o laudo médico que descreva a condição do candidato e participar de um painel online para a resolução de um case. Qualicorp A Qualicorp abriu programas de estágio e trainee com 26 vagas, sendo 18 voltadas para estágio e oito para trainees. Podem se inscrever candidatos de diferentes cursos universitários e de todo o país. As inscrições podem ser realizadas até 18 de junho pelo site: http://www.jovenstalentosquali.com.br. Os salários são de R$ 1.721,00 para estagiários e de R$ 5.721,00 para trainees. O programa de trainee tem duração de 12 meses e é destinado a candidatos formados em graduação universitária em, no máximo, três anos, além de ser desejável ao menos um ano de experiência profissional. Após a conclusão do programa, há possibilidade de efetivação a cargos como analista sênior, especialista ou coordenador. Já para os candidatos a vagas de estágio, a duração é de 16 meses, com graduação universitária prevista até dezembro de 2022, com possibilidade de efetivação para o cargo de analista júnior. Além do bolsa-auxílio, o Jovens Talentos Quali 2021 oferece também diversos benefícios, como auxílio home office, folga no dia do aniversário, sextas-feiras com expediente mais curto, vale-refeição, assistência médica e odontológica e vale-alimentação. Mobills A Mobills está com três vagas para atuação de forma remota. As oportunidades são para estágio em análise de dados, posição junior em desenvolvimento IOS e, também no nível júnior, para atuação em UX Writer. Os interessados podem se cadastrar no site: https://www.mobills.com.br/vagas/ Nagro A Nagro está com seis vagas abertas para contratação imediata. As oportunidades são para Analista de RH, Analista de Pré-vendas (SRD/BDR), Gerente de Produto, Desenvolvedor(a) Back End NodeJs, Desenvolvedor(a) Python para Data Science e Desenvolvedor(a) Python para Data Science. Os interessados podem se cadastrar no site https://nagro.com.br/ser-nagro#vagas GetNinjas O GetNinjas está com 13 vagas para as áreas de Design, Marketing, Tech e Data. Entre as oportunidades, estão os cargos de Analista de CRM & Marketing Cloud Senior, Analista de Dados, Analista de Segurança da Informação, Desenvolvedor back-end, Desenvolvedor(a) Android - Mobile, Desenvolvedor(a) iOS - Mobile, Desenvolvimento Front End, Engenharia de Dados, Engenheiro DevOps, Engenheiro de Qualidade de Software (QA), Pessoa Redatora, Product Designer Senior e UX Writer. Os interessados podem se candidatar no link: https://getninjas.breezy.hr/ HeroSpark A HeroSpark está com 12 processos seletivos abertos para trabalhar remotamente ou em Curitiba - PR. As oportunidades são para os cargos de Analista de DevOps, Analista de Base de Conhecimento, Desenvolvedor Fullstack, Desenvolvedor Ruby on Rails, Frontend Developer, Product Designer Sr e Product Owner Pleno. Os interessados podem se candidatar através do link: https://herospark.gupy.io/ Deel A Deel tem mais de 50 vagas nas áreas de vendas, design, atendimento, engenharia, marketing, recursos humanos, produto, entre outras. Todas as vagas são para trabalho remoto e exigem fluência na língua inglesa e algumas delas no idioma espanhol. As oportunidades estão disponíveis no link https://jobs.ashbyhq.com/Deel. RoutEasy A RoutEasy está com cinco processos seletivos abertos para trabalhar em São Paulo. As oportunidades são para os cargos de Consultor Técnico Jr, Analista de Suporte Jr, Analista de PMO Pleno, Full Stack Sênior e Java Engineer Sênior. Os interessados podem se candidatar através do link: https://www.routeasy.com.br/#!/trabalhe-conosco Gestão 4.0 O Gestão 4.0 está com 13 vagas para as áreas de Analista de Marketing de Performance; Assessora Executiva; Banco de Talentos; Business Development; Copywriter; Customer Success Manager; Designer; Designer Sr.; Head de Conteúdo; Roteirista; SDR – Representante De Desenvolvimento de Vendas – Pré-Vendas; Secretária Executiva Bilíngue e Videomaker. Os interessados devem se cadastrar através do link https://gestao40.gupy.io/ Estratégia Concursos O Estratégia Concursos está com processo seletivo para professores em diversas áreas da saúde. Os selecionados irão ministrar conteúdos em cursos preparatórios para residências multiprofissonais em 12 áreas: Biomedicina, Educação Física, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Medicina Veterinária, Nutrição, Odontologia, Psicologia, Serviço Social e Terapia Ocupacional. As inscrições são por meio do formulário, disponível no site até o dia 21 de maio. Positiv.a A Positiv.a tem duas posições em aberto para moradores da Grande São Paulo, para analistas de Growth e Analista de Relacionamento em Mídia Social. Os interessados podem se cadastrar no site: https://conteudo.positiva.eco.br/pt-br/vagas-positivas Fala Criativa A Fala Criativa está com duas vagas abertas para a área de imprensa, focadas no atendimento de clientes dos segmentos financeiro e B2B. Além das vagas, ainda é possível se cadastrar no banco de talentos da agência para oportunidades em outras áreas, como administrativo, financeiro, PR, entre outros. Para mais informações, os interessados devem acessar o site: https://fala-criativa.breezy.hr/ Trizy A Trizy abriu 50 vagas de emprego para diversas áreas de atuação. As vagas são para profissionais das áreas de desenvolvimento, atendimento, produto, financeira, marketing e projetos, todas para atuação remota. Também está aberta uma oportunidade de estágio para estudantes do ensino superior de qualquer área de atuação, em regime presencial em Ponta Grossa, no estado do Paraná. Além de salário compatível com o mercado, os profissionais aprovados receberão vale alimentação ou refeição, assistência médica e odontológica, e as futuras mães e pais também têm licença estendida. Os interessados podem se candidatar pelo site https://lnkd.in/egwiY42. Juntos Somos Mais A Juntos Somos Mais, startup que tem como sócias Votorantim Cimentos, Gerdau e Tigre, anuncia a abertura de 87 vagas em regime remoto para posições em tecnologia. As oportunidades disponíveis incluem mais de 40 vagas para pessoas desenvolvedoras (Front-end e Back-end), mais de 10 para UX/UI Designer, 8 para Product Owner e as demais para posições de Data Engineer, SRE/Devops, QA, DBA e Líder Técnico. Para as vagas de Front-end, é necessário ter conhecimento das linguagens React ou Vue.js; já para Back-end, os candidatos precisam ter noções de Python, com framework Django ou .NET Core. Apesar de ter sede em São Paulo, a Juntos Somos Mais aceita candidatos de todo o país. Além disso, em função da pandemia, todos os colaboradores trabalham em home office. Os interessados podem se candidatar pelo LinkedIn da empresa, acessando o link https://www.linkedin.com/company/juntos-somos-mais/. Banco Pan O Banco Pan abriu 25 vagas no Programa de Estágio de Tecnologia 2021, destinado a alunos do ensino superior, com graduação prevista entre junho 2022 e dezembro de 2023, e disponibilidade para estagiar 6 horas por dia. Além da bolsa-auxílio de R$ 2.471, os participantes terão acesso a benefícios como vale transporte, seguro de vida, assistência média e odontológica, vale refeição e Gympass. Os interessados podem se candidatar pelo site do programa até o dia 4 de junho.
Veja Mais

18/05 - Lei do Governo Digital quer acelerar serviços on-line, mas especialistas fazem ressalvas sobre privacidade
Entenda o que é a lei que estabelece caminho para digitalização da administração e coloca governo como 'plataforma'. Disponibilização do Auxílio Emergencial aconteceu por meios digitais. Lei quer acelerar adoção de outros serviços pela internet. Marcello Casal Jr/Agência Brasil O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sancionou no final de março, com vetos, a Lei do Governo Digital, baseada em um projeto do deputado Alessandro Molon (REDE/RJ) discutido desde 2017 pelos parlamentares. O texto estabelece caminhos e regras para a prestação de serviços públicos pela internet, seja por computador ou celular, colocando a administração pública como uma "plataforma" para emitir documentos, certidões ou fazer solicitações ao governo. Os serviços digitais não encerram os atendimentos presenciais, que continuam acontecendo normalmente. Atualmente, uma série de requerimentos e consultas podem ser feitas on-line, incluindo: acompanhamento do auxílio emergencial; entrega da declaração do Imposto de Renda; carteira de trabalho digital; emissões de certidões, como tempo de contribuição previdenciária; entre outros. O site gov.br, que funciona como a plataforma central, afirma que são oferecidos 2.855 serviços totalmente digitais de 186 órgãos em seu portal. A lei é considerada um avanço importante na digitalização de serviços públicos por especialistas ouvidos pelo G1, que também apontaram que os benefícios vão depender de como o governo irá por em prática as diretrizes estabelecidas pelo texto, principalmente em relação à privacidade. Além de incentivar a disponibilização de serviços digitais, a lei diz que o governo deve ter como princípios transparência ativa e dados abertos, e a capacidade de sistemas se comunicarem por um mesmo padrão (interoperabilidade). Transparência ativa Um dos desdobramentos com a lei é o reforço às medidas de transparência ativa, algo já previsto pela Lei de Acesso à Informação (LAI). Isso inclui a divulgação de dados públicos como remuneração de servidores, notas fiscais eletrônicas de compras públicas, repasses de recursos, entre outros. Isso vai permitir que entidades civis fiscalizem o governo. Outro desdobramento é a utilização de informações dos cidadãos para o planejamentos pela administração pública. "É a possibilidade de alguém no Ministério da Economia acessar a base de dados do Ministério da Infraestrutura, por exemplo", explicou José Renato, diretor do Laboratório de Políticas Públicas e Internet (Lapin) e membro da Coalizão Direitos na Rede. "E que todos os sistemas consigam acessar dados e que esteja tudo no mesmo formato, digamos que tudo esteja uma planilha do Excel, num exemplo simplista", completou. Compartilhamento de dados Essa troca tem o potencial de aumentar a eficiência do planejamento do governo, que pode contar com mais dados para a tomada de decisões. Por outro lado, há uma preocupação com a privacidade das pessoas e com a segurança da informação. A Lei do Governo Digital cita, em diversos trechos a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que começou a valer em setembro do ano passado e estabeleceu regras sobre a segurança e responsabilidade de empresas e do governo com as informações das pessoas. 'Bases frágeis' Apesar das menções à LGPD, José Renato, do Laboratório de Políticas Públicas e Internet (Lapin) apontou que a nova lei "foi construída sobre bases frágeis", porque se relaciona com um decreto publicado em 2019 por Bolsonaro que trata do compartilhamento de dados na administração pública federal. "O decreto está sendo questionado pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) no Supremo Tribunal Federal (STF) porque estabelece controles de acessos dentro da esfera pública que não estão de acordo com a proteção de dados", disse Renato. O decreto afirma que os dados que estão sob posse do governo são categorizados em três níveis: Amplo: quando forem dados públicos; Específico: quando forem informações sigilosas mas que têm concessão de acesso a órgãos do governo; Restrito: quando forem informações sigilosas com concessão a órgãos e entidades específicos; O decreto criou ainda o Cadastro Base do Cidadão, que funciona como uma central de informações dos brasileiros. Essa é uma base de informações integrada a partir de diversos outros bancos de dados do governo federal. José Renato afirmou que essa categorização é definida pelo "gestor de dados", uma figura instituída pelo decreto e que determina quem vai ter acesso às informações. "Se eu tenho, por exemplo, o seu cadastro no Ministério da Economia, a pessoa responsável desse órgão vai decidir quais vão ser as outras entidades que terão acesso aos seus dados", disse o diretor do Lapin. Ele apontou que, pela lógica do decreto, não há uma avaliação criteriosa dos pedidos de acesso aos dados. "Se um órgão requisita ao Denatran acesso à base de CNHs, não há uma análise para saber se quem solicitou isso precisa de todas as informações do documento, incluindo a foto de cada cidadão, ou só uma parte dos dados", afirmou. Não está claro no decreto como as avaliações sobre a necessidade de informações são feitas, segundo José Renato. Isso foi um dos principais pontos que levaram a OAB a contestá-lo no STF. Segurança cibernética A questão sobre o compartilhamento das informações entre as entidades do governo e a centralização das informações também foi apontada por Christian Perrone, coordenador da área de direito e tecnologia do ITS Rio (Instituto de Tecnologia e Sociedade do Rio). "Não está claro qual é o modelo de compartilhamento de dados que está sendo pensado", afirmou Perrone. "O que essa lei pode trazer de positivo vai depender de como vão ser estruturados e implementados os serviços, os sistemas de segurança da informação e cibernética. Isso porque uma série de serviços digitais e bases de dados vão estar conectados entre si", continuou. Proteções aos dados passa por controle de quem pode acessá-los. Altieres Rohr/G1 "Se muita gente puder entrar nessas bases, é como se muitas pessoas tivessem a senha de um cofre. Alguém que coloca uma senha fraca pode facilitar que pessoas mal intencionadas tenham acesso a dados de cidadãos", explicou Perrone. A Lei do Governo digital não criou um órgão específico para fiscalizar sua aplicação ou sanções, o que ficará a cargo de outras entidades como o Ministério Público, Tribunais de Contas e órgãos internos. "A Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD) pode solicitar aos agentes do Poder Público que publiquem relatórios de impacto à proteção de dados pessoais e sugerir a adoção de padrões e de boas práticas para determinadas atividades de tratamento", acrescentou a advogada Mariana Rici, se referindo ao órgão criado a partir da LGPD para tratar sobre privacidade. CPF como porta de entrada A nova lei definiu ainda que o CPF e o CPNJ serão as portas de entrada para o governo identificar cada cidadão e empresa, respectivamente. Na prática, é como se o CPF se tornasse uma identidade digital, e ele deverá constar em praticamente todos os outros documentos como RH, CNH, passaporte, entre outros. Somado ao CPF, o texto prevê o "estímulo às assinaturas eletrônicas", que são formas de autenticar os cidadãos durante os serviços digitais (veja mais abaixo). "O CPF como identificador não é usado somente pelo cidadão, mas pelo próprio governo", explicou José Renato, do Lapin. "(O uso do CPF) isso facilita que a administração pública tenha um poder de acessar informações nossas e criar perfis. Isso não é um problema da lei em si, mas pode se tornar, caso a operacionalização dos serviços não seja adequada", afirmou o pesquisador. SAIBA MAIS: Veja o que se sabe sobre o megavazamento de dados de CPFs de brasileiros VÍDEO: Como saber se meus dados vazaram? Assinatura eletrônica Para tentar evitar que criminosos se passem por outras pessoas, a Lei do Governo Digital menciona as assinaturas eletrônicas, que foram regulamentadas em outra lei. Elas são uma forma de autenticar a identidade de uma pessoa. Existem 3 níveis: simples, com login com seu CPF e uma senha para consultar seus dados no portal do governo, por exemplo; avançada, que exige mais informações para autenticar uma pessoa, como perguntas que somente o usuário saberia responder (como últimos locais que trabalhou, local de residência ou contribuições previdenciárias) ou confirmação biométrica, como foto; qualificada, emitida por meio de certificados digitais de entidades credenciadas à ICP-Brasil (Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira), custa entre R$ 50 e R$ 350 por ano e exige uma entrevista de autenticação com o prestador que vendê-lo. Cada serviço digital do governo pode pedir uma assinatura eletrônica diferente. O nível exigido é definido pelos entes federativos e órgãos públicos. O agendamento de um atendimento presencial, por exemplo, pode ser feito com a assinatura simples. Já a consulta de saldos de FGTS pede a versão avançada, exibindo perguntas para o usuário na página. Questões mais sensíveis, como a transferência de um bem, exigem a assinatura qualificada. O certificado digital é necessário? Por quê? A exigência do certificado digital para algumas solicitações on-line não é unanimidade entre os especialistas ouvidos pelo G1. "Para questões mais sensíveis, é preciso ter requisitos de segurança mais robusta, que é o que os certificados digitais oferecem", apontou Thaís Covolato, coordenadora do Comitê de Identidades Digitais da camara-e.net. "Para a emissão dessa assinatura há critérios técnicos e de criptografia. A confirmação não acontece por meio de um formulário ou cruzamento dados do governo, você fala com um profissional treinado para checar documentos e identidade", explicou. Há certificados (tipo A1) que ficam salvos na nuvem e podem ser instalados no computador – a senha é opcional. Outros (tipo A3) funcionam por meio de um cartão com chip ou token físico (USB) e exigem uma senha. "Tratando-se da proteção do cidadão contra terceiros, inclusive governo, no mundo digital, o certificado digital tem um custo adequado à proteção que oferece", disse Covolato. Entre os serviços que exigem o certificado digital e as profissões que o utilizam estão: eSocial, plataforma em que empregadores fornecem informações trabalhistas; emissão de notas fiscais, exceto para MEIs; utilização do e-CAC (Centro Virtual de Atendimento da Receita Federal); compromissos fiscais por meio do Sistema Público de Escrituração Digital (SPED) e do Sistema Integrado de Comércio Exterior (Siscomex); transferência de bens; médicos, para prescrições ou atestados digitais; advogados, para assinar petições, pareceres, procurações e contratos e acesso remoto de processos; contadores, para enviar informações para órgãos públicos. Fabro Steibel, diretor-executivo do ITS Rio, apontou alguns serviços procurados com frequência pelos cidadãos exigem essa autenticação qualificada, o que considera "abusivo". "Para transferir um carro precisa ter um certificado digital. Há uma quantidade enorme de transferência de carros todos os dias, e exigir isso é contra o interesse público", disse. "Qualquer médico que queira fazer um atestado médico pela internet precisa ter um certificado também."
Veja Mais

18/05 - Emprego: confira as 235 vagas ofertadas através da Agência do Trabalho em 17 municípios nesta terça-feira
Salários informados chegam a R$ 3,6 mil. Motorista de caminhão, pedreiro, estoquista, cozinheiro, garçom, vendedor e auxiliar de limpeza são algumas das oportunidades. Vagas foram oferecidas para 17 municípios do estado nesta terça-feira (18) Agência Brasil O sistema público da Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação (Seteq-PE), através das Agências do Trabalho, oferece nesta terça-feira (18), 235 vagas de emprego em 17 municípios do estado. Entre as oportunidades há 30 vagas para o cargo de atendente de telemarketing ativo e receptivo na cidade do Recife. Também há oportunidades para os cargos de farmacêutico, técnico agrícola, pedreiro, garçom, vendedor, cozinheiro, maqueiro de hospital, entre outros (confira lista completa mais abaixo). Há vagas no Recife (84), Araripina (2), Arcoverde (4), Belo Jardim (1), Cabo de Santo Agostinho (29), Camaragibe (3), Caruaru (57), Igarassu (1), Ipojuca (5), Nazaré da Mata (1), Paudalho (1), Paulista (7), Petrolina (7), Salgueiro (4), Santa Cruz do Capibaribe (13), Serra Talhada (11) e Vitória de Santo Antão (5). Os interessados podem realizar agendamento para as unidades da Agência do Trabalho através do Portal Cidadão, clicar na opção "Agendamento" e, depois, em “intermediação de mão de obra”. Vagas de emprego Vagas para pessoas com deficiência VÍDEOS: Mais assistidos de PE nos últimos 7 dias
Veja Mais

18/05 - Para 26%, equilíbrio entre qualidade de vida e trabalho piorou, diz pesquisa
Segundo levantamento da Robert Half, 40% dos entrevistados afirmam que se sentem cansados e estressados depois de mais de 12 meses de trabalho remoto; para 28% dos recrutadores, a saúde mental é a maior preocupação de 2021. Home office Jeshoots.com/Unsplash As incertezas a respeito do fim da pandemia, os desafios do trabalho remoto, além das oportunidades reduzidas de descanso e férias foram fatores que resultaram em níveis significativos de estresse nos profissionais brasileiros. De acordo com o 15º Índice de Confiança da Robert Half, 26% dos entrevistados consideram que a sensação de equilíbrio entre qualidade de vida e trabalho piorou. Para outros 26%, a sensação se manteve igual desde o início da pandemia. Os principais motivos apontados pelos 52% dos entrevistados (soma dos dois grupos) são: piora da saúde mental (32%) falta de contato próximo com a equipe e gestores (16%) espaço físico inadequado para o trabalho (10%) Segundo a pesquisa da consultoria de recrutamento especializado, para 28% dos recrutadores entrevistados, a saúde mental é a maior preocupação de 2021. Por conta do prolongamento da pandemia e necessidade de distanciamento social, muitos profissionais e empresas optaram pelo adiamento das férias no último ano, o que resultou em cargas pesadas de trabalho que não foram alternadas com o descanso necessário, segundo a Robert Half. "As companhias, portanto, também devem balancear possíveis planos de férias atrasados com as ambiciosas agendas de recuperação dos negócios. Uma boa alternativa dentro deste contexto é o recrutamento de profissionais para projetos a fim de preencher as lacunas temporárias deixadas por colaboradores permanentes que estejam de licença. Desta forma, a força de trabalho não se sente sobrecarregada com a necessidade de absorção de demandas", afirma a consultoria de recrutamento especializado. Burnout deve crescer em 2021 Em uma sondagem realizada pelo perfil oficial da Robert Half no Linkedin, que contou com a participação de mais de 1.100 respondentes, 40% afirmam que se sentem cansados e estressados depois de mais de 12 meses de trabalho remoto. Trabalhador com síndrome de burnout tem direito a licença médica; entenda os direitos e conheça a doença De acordo com a Robert Half, por um lado, a continuidade da pandemia por si só já afeta a sanidade mental dos profissionais, que são impactados diariamente pelo medo, ansiedade e insegurança. Por outro, à medida que a atividade econômica se recupera, as empresas aceleram suas atividades, o que cria cargas de trabalho cada vez maiores para muitos profissionais. No entanto, trabalhar incansavelmente não é saudável e nem sustentável, além de poder resultar em burnout. A Robert Half dá quatro dicas para auxiliar gestores a prevenir a síndrome: Atenção ao volume de horas trabalhadas - para ajudar profissionais a conciliar atividades pessoais e profissionais, ofereça esquemas alternativos de trabalho, como jornadas flexíveis, e se atente ao volume de horas trabalhadas. Administração do tempo - se os profissionais virem que os gestores levam a sério o compromisso com o equilíbrio entre vida pessoal e profissional, administrando seu próprio tempo de maneira eficaz, estarão mais propensos a fazer o mesmo. Evitar trabalhar até tarde, tirar férias anuais e não enviar e-mails tarde da noite ou no fim de semana são práticas que podem ajudar a dar o exemplo certo. Definição de prioridades - ajude a equipe a se concentrar em tarefas críticas do negócio, considerando a possibilidade de contratar profissionais por projetos para apoiar quando necessário. Comunicação transparente e incentivo ao bem estar - promova uma comunicação assertiva e segura, incentive ofertas de bem-estar na empresa e incentive a participação dos colaboradores em aulas e programas gratuitos que apoiam estilos de vida mais saudáveis.
Veja Mais

18/05 - SC tem concursos públicos abertos em maio; confira as vagas
São oportunidades em ao menos 14 locais e salários podem passar de R$ 15 mil. SC tem concursos públicos abertos em maio; confira as vagas Pelo menos 18 concursos públicos estão com inscrições abertas em Santa Catarina em maio. Há oportunidades para diversas áreas e níveis. Os salários podem chegar a R$ 15 mil. Confira abaixo algumas das oportunidades: Prefeitura de Brusque Cargos: Nível fundamental: Agente de Serviços Especiais (Roçador) e Servente de Serviços Gerais (Limpeza e Merenda e Vigia) Nível superior: Médico Clínico Geral Salário: R$ 1.383,15 (serviços), R$ 7.802,65 (Médico 20h) e R$ 15.605,30 (Médico 40h) Prazo de inscrição: 18 de maio de 2021 Veja edital Prefeitura de Salto Veloso Cargo: Nível médio/técnico: Agente Municipal de Defesa Civil Salário: R$ 1.653,43 Prazo de inscrição: 19 de maio de 2021 Veja edital Prefeitura de Curitibanos Cargos: Nível Fundamental: Servente I Nível médio/técnico: Técnico em Enfermagem Nível superior: Enfermeiro; Médico Clínico Geral; Médico Ginecologista e Médico Pediatra Salário: de R$ 1.237,45 até R$ 18.423,44 Prazo de inscrição: 19 de maio de 2021 Veja edital Prefeitura de Ipira Cargos: Nível fundamental: Agente Comunitário de Saúde e Motorista Nível superior: Psicólogo e Professor de Geografia Salário: de R$ 1.457,03 a R$ 2.882,87 Prazo de inscrição: 19 de maio de 2021 Veja edital Prefeitura de Penha Cargos: Nível fundamental: Auxiliar de Serviços Gerais, Motorista de Ambulância e Motorista de Veículos Nível médio/técnico: Técnico em Saúde Bucal, Técnico em Raio X, Técnico em Enfermagem - Vacinador, Técnico em Enfermagem, Auxiliar em Saúde Bucal, Assistente Administrativo, Agente de Combate às Endemias e Agente Comunitário de Saúde Nível superior: Psicólogo; Nutricionista; Médico Psiquiatra; Médico Pediatra; Médico Ortopedista; Médico Ginecologista; Médico Clínico Geral; Médico Cardiologista; Fonoaudiólogo; Fisioterapeuta; Farmacêutico; Enfermeiro; Cirurgião-Dentista; e Assistente Social. Salário: de R$ 1.350,00 até R$ 5.487,00 Prazo de inscrição: 19 de maio de 2021 Veja editais Prefeitura de Anitápolis Cargo: Nível superior: Enfermeiro Salário: R$ 3.384,12 Prazo de inscrição: 20 de maio de 2021 Veja edital Prefeitura de Imbituba Cargos: Nível superior: Professor de Inglês e Professor de Anos Iniciais Salário: de R$ 542,45 (10h) a R$ 2.349,19 (40h) Prazo de inscrição: 21 de maio de 2021 (Professor de Inglês) e 26 de maio de 2021 (Professor de Anos Iniciais) Veja edital Prefeitura de Lages Cargos: Nível superior: Assistente Social; Psicólogo e Educador Social Salário: R$ 676,74 (12h) Prazo de inscrição: 21 de maio de 2021 Veja edital Prefeitura de Bombinhas Cargos: Nível superior: Engenheiro Civil Salário: R$ 3.287,52 (20h) Prazo de inscrição: 21 de maio de 2021 Veja edital Prefeitura de Atalanta Cargos: Nível superior: Médico Salário: R$ 14.358,38 Prazo de inscrição: 21 de maio de 2021 Veja edital Samae de Tijucas Cargos: Nível médio/técnico: Agente em Operação da ETA (Estação de Tratamento de Água) e da ETE (Esgoto) Nível superior: Assistente Social de Saneamento, Engenheiro Químico e Engenheiro Sanitarista Salário: de R$ 2.836,65 a R$ 4.198,56 Prazo de inscrição: 25 de maio de 2021 Veja edital Prefeitura de Balneário Piçarras Cargos: Nível médio/técnico: Agente de Combate às Endemias; Agente Comunitário de Saúde; Artesão; Auxiliar de Saúde Bucal; Auxiliar Administrativo CAPS; Técnico em Enfermagem; Técnico em Enfermagem CAPS; Técnico em Enfermagem - Centro de Triagem COVID-19. Nível superior: Enfermeiro CAPES; Enfermeiro - Centro de Triagem COVID-19; Médico Cirurgia Geral; Médico Clínico Geral; Médico Infectologista; Médico Ginecologia/Obstetrícia; Médico Pediatra; Médico Psiquiatra; Odontólogo; Pedagogo;Terapeuta Ocupacional. Salário: de R$ 1.557,27 até R$ 7.912,47 Prazo de inscrição: 26 de maio de 2021 Veja edital Prefeitura de Navegantes Cargos: Nível fundamental: Agente de Serviços Gerais Nível técnico/médio: Agente Comunitário de Saúde; Agente de Combate às Endemias; Atendente de Posto de Saúde; Auxiliar de Consultório Dentário ESF; Motorista Socorrista SAMU; Técnico em Enfermagem ESF; Técnico em Enfermagem SAMU; Técnico de Serviços Complementares. Nível superior: Enfermeiro; Farmacêutico; Fisioterapeuta; Médico Auditor; Médico Ginecologista; Médico Psiquiatra; Odontólogo Cirurgião/Traumatologista Bucomaxilofacial; Odontólogo Endodontista; Odontólogo ESF; Odontólogo Periodontista; Psicólogo; Terapeuta Ocupacional. Salário: de R$ 1.307,82 a R$ 14.069,86 Prazo de inscrição: 26 de maio de 2021 Veja edital Prefeitura de São Miguel do Oeste Cargos: Nível superior: Coordenador Pedagógico; Professor de Língua Inglesa; Professor de Língua Espanhola Salário: R$ 3.016,69 Prazo de inscrição: 27 de maio de 2021 Veja edital Prefeitura de Jaraguá do Sul Cargos: Nível superior: Professor de Ensino Fundamental (Ensino Religioso, História e Língua Portuguesa) Salário: R$ 3.681,35 Prazo de inscrição: 27 de maio de 2021 Veja edital Prefeitura de Irati Cargo: Nível superior: Professor de Educação Especial Salário: R$ 1.507,29 Prazo de inscrição: 4 de junho de 2021 Veja edital Prefeitura de Tijucas Cargos: Nível fundamental: Agente Operacional do Bolsa Família; Auxiliar de Serviços Gerais; Motorista Nível técnico/médio: Recepcionista Nível superior: Assistente Social; Pedagogo; Psicólogo; Psicólogo do Programa Casa Lar Salário: de R$ 1.156,08 a R$ 3.065,84 Prazo de inscrição: 16 de junho de 2021 Veja edital Candidatos se preparam para concursos em todo país Valéria Martins/G1 País tem mais de 80 concursos públicos abertos para preencher 8,5 mil vagas VÍDEOS: Veja as reportagens mais assistidas da NSC TV no G1 SC Veja mais notícias do estado no G1 SC
Veja Mais

18/05 - Planos de saúde digitais crescem com foco em medicina preventiva; entenda como eles funcionam e que cuidados tomar
Startups resgatam médico de família e adotam análise de dados e inteligência artificial para acompanhar a saúde dos pacientes e cortar custos operacionais. Plano de saúde New Saúde Leader Limitações na cobertura e reajustes excessivos são as principais reclamações de usuários de planos de saúde no Brasil. Segundo a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), de janeiro a março deste ano foram registradas 36.621 queixas de usuários no país — uma média de 406 por dia. Para atender clientes insatisfeitos com as operadoras de saúde tradicionais, startups de saúde — chamadas de "health techs" — lançaram planos de saúde 100% digitais em São Paulo. Em meio à pandemia, elas receberam aportes financeiros superiores a R$ 500 milhões e acumulam mais de 10 mil clientes. Reajuste dos planos de saúde: calculadora ajuda a verificar valor das novas mensalidades Os planos digitais prometem uma gestão de saúde preventiva por meio do médico de família. É ele quem faz o acompanhamento do paciente à distância e, com uso de dados e da inteligência artificial, pode prescrever tratamentos para prevenção de doenças. Atenção à coparticipação É preciso redobrar atenção neste caso: algumas operadoras exigem que o paciente seja atendido primeiro pelo médico de família para depois ir ao hospital, por exemplo. As operadoras Alice e QSaúde, por exemplo, cobram coparticipação em atendimentos no pronto socorro, se não for comprovado que houve urgência na assistência. Mas é exatamente na hora de comprovar a urgência que conflitos são gerados. Em sites de reclamações, por exemplo, há várias queixas sobre a cobrança de coparticipação e não cobertura de internação por operadoras digitais, após a entrada de pacientes em pronto socorro sem o atendimento virtual com o médico de família. "Na maioria dos casos, o paciente resolve o problema conosco pelo aplicativo. Se não, a gente encaminha ao especialista. Já tivemos paciente com dor no peito que foi se acalmando até o pronto socorro falando com a gente [médicos de família]", justificou André Florence, fundador da Alice. A QSaúde afirmou que o usuário pode ir ao hospital sem buscar o atendimento pelo aplicativo, "contanto que seja constatado pelos médicos que o caso realmente foi uma emergência". Na Sami, para pessoas jurídicas, não há cobrança de coparticipação, garantiu Vitor Asseituno, médico e cofundador da empresa. A operadora, lançada em 2020, possui uma clínica própria dentro de seu principal hospital conveniado, o Benefíciência Portuguesa de São Paulo. A Alice também possui uma clínica própria para consultas e exames: a Casa Alice, localizada em Pinheiros (SP). No mercado desde o ano passado, a operadora possui 1.700 clientes ativos em São Paulo e 30 planos disponíveis. Para atrair o público, a empresa promete oferecer uma visão "holística" da saúde, com preparadores físicos, psicólogos e nutricionistas. A QSaúde também adota a medicina preventiva para manter a saúde de seus 3 mil pacientes em dia e, principalmente, para reduzir custos com sinistros. Anderson Nascimento, vice-presidente da operadora, afirma que 60% dos custos de planos de saúde decorrem de doenças crônicas descompensadas. "Quando você traz o médico de família, você devolve a pessoalidade ao cuidado com o paciente", afirmou o executivo, que é cirurgião cardiovascular. Tecnologia avançada Outra característica das health techs é que, como nasceram digitais, elas adotam análise de dados e inteligência artificial para acompanhar a saúde dos pacientes e também aproveitam esses recursos para reduzir os próprios custos. Por exemplo: se um paciente tem costuma ter a pressão normal, mas em duas consultas consecutivas esse índice variou um pouco para cima, uma alerta é emitida ao médico de família avisando que algo pode estar errado com a saúde daquela pessoa. "Fazemos análise de curva com inteligência artificial para ver o histórico dos clientes. Para isso, temos uma equipe de cientistas de dados e especialistas em machine learning. Todas as operadoras têm dados, mas o que nós temos é uma forma diferente de usar esses dados", afirmou o VP da QSaúde. A Sami, operadora de saúde digital para pessoas jurídicas, também aposta na tecnologia como diferencial competitivo. Até mesmo a contratação dos planos pode ser feita pelo aplicativo e sem a intermediação de corretores. Segundo Asseituno, essa modalidade responde por 13% das vendas da operadora. "Atendemos muitos MEIs. Eles são um público desassistido quando se trata de saúde", disse. Preços e coberturas devem ser analisados Apesar de terem a tecnologia e a medicina familiar como aliadas, as operadoras de saúde digitais nem sempre oferecem planos com preços acessíveis, alerta Marlon Glaciano, planejador financeiro e corretor de saúde. É preciso fazer simulações, avaliar diferentes coberturas e, principalmente, analisar o contrato antes de decidir por um serviço. A Alice e a Qsaúde, que oferecem planos para pessoa física, têm uma vantagem em comum: são individuais e reguladas pela ANS. Os reajustes dos coletivos por adesão, por sua vez, não são definidos pela agência reguladora. Para se ter uma ideia, em 2020, a média de reajuste em contratos individuais foi de 8,14%, segundo a Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-SP). Em coletivos, a variação foi entre 14% e 25%. As mensalidades cobradas pelas operadoras variam de acordo com o plano, a cobertura e a idade dos pacientes. Na Alice, o valor médio para um cliente de 30 anos é de R$ 600 ao mês. Na QSaúde, um produto de entrada para uma pessoa de até 18 anos custa a partir de R$ 246 ao mês. Já na Sami, uma plano de entrada para pessoa jurídica sai por a partir de R$ 172 mensais. Como nos planos tradicionais, os valores, na maioria das vezes, desagradam os consumidores. Nas redes sociais das empresas, há queixas de pessoas que se decepcionaram com as cotações — principalmente usuários de 40 e 50 anos que receberam propostas acima dos R$ 1.400. "As empresas têm começado o atendimento em São Paulo e em alguns hospitais específicos. Por isso, o valor não tem sido tão em conta assim no começo", alertou Glaciano. Antes de fechar o contrato, o consultor aconselha os usuários a pesquisarem informações das empresas nas redes sociais e também no site da ANS (https://www.ans.gov.br/). Na página da agência reguladora, é possível acessar o monitoramento de qualidade de atendimento e o índice de reclamações das operadoras.
Veja Mais

18/05 - Clubhouse libera aplicativo para Android no Brasil nesta terça
App, antes disponível apenas para usuários de iPhone, promete estar disponível em todo o mundo para usuários de Android até o final desta semana. Aplicativo Clubhouse chegou ao Android. Reuters/Florence Lo O Clubhouse anunciou que vai disponibilizar sua versão para Android no Brasil a partir desta terça-feira (18). A rede social baseada em conversas por voz que bombou no começo desse ano lançou uma versão do aplicativo para celulares Android no início do mês nos Estados Unidos. Gradativamente, o serviço está chegado a outros países. Neste mesmo dia, o app chega a Rússia e Japão, enquanto Nigéria e Índia o receberão na sexta-feira. A empresa disse que o Clubhouse para Android estará disponível em todo o mundo até o final da semana. Initial plugin text Até então, os brasileiros conseguiam encontrá-lo na Play Store, loja oficial do Android, mas apenas para fazer um pré-cadastro que avisa quando ele estiver disponível. ENTENDA: O que é o Clubhouse e como ele funciona? Era exclusivo do iPhone O Clubhouse foi exclusivo para iPhones durante um ano. A ausência de uma versão do Clubhouse no Android fez com que surgissem cópias usando o nome do aplicativo, mas que são espécies de "guias" sobre a rede social. Apesar da chegada ao sistema, o cadastro dos usuários ainda exige convite. SAIBA MAIS: convite para o app de áudio é oferecido por mais de R$ 600 na web O sucesso do Clubhouse no início do ano chamou a atenção de outras plataformas. O Twitter, por exemplo, disponibilizou no início de março o recurso de áudio "Spaces" para pessoas que usam Android. Em março, o Spotify anunciou a compra do Locker Room, um concorrente focado em conversas com fãs de esportes. O Facebook, dono do Instagram, anunciou em abril uma série de novidades de áudio, incluindo provável rival do Clubhouse. Veja como fazer downloads seguros de aplicativos: Download seguro: saiba como baixar programas legítimos
Veja Mais

18/05 - Imposto de Renda 2021: como fica a atualização do valor de imóveis na declaração?
Ajuste não é mais possível, exceto quando o imóvel entra como ganho de capital ao ser vendido; financiamentos devem entrar na aba de dívidas. Imposto de Renda 2021: veja dicas de declaração de imóveis no imposto de renda O valor de imóveis não deve ser atualizado na declaração do Imposto de Renda 2021. De acordo com especialistas consultados pelo G1, uma eventual valorização desses bens aparecem no patrimônio apenas quando o imóvel é vendido ou tem sua posse transferida. Saiba tudo sobre o Imposto de Renda Veja como preparar os documentos para a declaração Segundo a advogada tributarista Rafaela Franceschetto, sócia do Focaccia, Amaral e Lamonica Sociedade de Advogados, os imóveis adquiridos antes de 1996 podiam ter valores atualizados, mas, dali em diante, com a adoção da Selic como taxa básica de juros do país, ficou estabelecido que deve mantido o valor de compra na declaração. "Toda valorização de mercado vai ser vista apenas em situação de venda do imóvel. Isso será objeto de ganho de capital, sujeito à tributação", diz Rafaela. "Eventualmente, custo de benfeitorias podem ser inseridos, mas é um valor adicionado e não uma valorização", explica. A advogada explica que as alíquotas de ganho de capital são progressivas: ganhos apurados até R$ 5 milhões são tributados à 15% de IRPF. De R$ 5 a R$ 10 milhões, a alíquota será de 17,5%. De R$ 10 a R$ 30 milhões, de 20%. Acima de R$ 30 milhões, de 22,5%. Imóveis parcelados, por financiamento, devem ser lançados na ficha "Bens e Direitos" com o preço pago até o momento final de 2020. O correto é ir adicionando os valores conforme forem pagos, além de juros de financiamento, impostos, corretagem, emolumentos e despesas com cartório para aquisição do imóvel. Imposto de Renda 2021: locação de imóveis Quem deve declarar quem recebeu rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2020. O valor é o mesmo da declaração do IR do ano passado. contribuintes que receberam rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma tenha sido superior a R$ 40 mil no ano passado; quem obteve, em qualquer mês de 2020, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas; quem teve, em 2020, receita bruta em valor superior a R$ 142.798,50 em atividade rural; quem tinha, até 31 de dezembro de 2020, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil; quem passou para a condição de residente no Brasil em qualquer mês e se encontrava nessa condição até 31 de dezembro de 2020; quem optou pela isenção do imposto incidente em valor obtido na venda de imóveis residenciais cujo produto da venda seja aplicado na aquisição de imóveis residenciais localizados no país, no prazo de 180 dias, contado da celebração do contrato de venda; pessoas que receberam Auxílio Emergencial em 2020 e, além das parcelas, tiverem recebido R$ 22.847,76 ou mais em outros rendimentos tributáveis. 1xVelocidade de reprodução0.5xNormal1.2x1.5x2x VÍDEOS: Últimas notícias de IR 2021 i
Veja Mais

18/05 - Auxílio Emergencial: beneficiários do Bolsa Família começam a receber a 2ª parcela; veja calendários
Caixa também paga parcela a inscritos via app e site nascidos em fevereiro. A Caixa Econômica Federal (CEF) começa a pagar nesta terça-feira (18) a segunda parcela do Auxílio Emergencial para os beneficiários que fazem parte do programa Bolsa Família. Nesta terça, o pagamento será para quem tem o número do NIS encerrado em 1. Também recebem, nesta terça, os trabalhadores nascidos em fevereiro e que não fazem parte do Bolsa. Terei direito? Quanto vou receber? Veja perguntas e respostas Veja o calendário completo Veja como saber se você vai receber Saiba como contestar se você teve o beneficio negado Beneficiário precisa estar com o CPF regular; veja como fazer SAIBA TUDO SOBRE O AUXÍLIO EMERGENCIAL Para o primeiro grupo, os pagamentos serão feitos da mesma forma que o Bolsa. Já para o segundo grupo – inscritos via app e site e público do Cadastro Único – a ajuda paga nesta terça será creditada em conta poupança social digital da Caixa, que poderá ser usada inicialmente para pagamento de contas e compras por meio do cartão virtual. Saques e transferências para quem receber o crédito neste domingo serão liberados no dia 1º de junho (veja nos calendários mais abaixo). VÍDEO: Auxílio Emergencial 2021 - entenda as regras da nova rodada VEJA QUEM RECEBE NESTA TERÇA: beneficiários do Bolsa Família com NIS final 1 trabalhadores do Cadastro Único e inscritos via site e app, nascidos em fevereiro Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial, pelo site auxilio.caixa.gov.br ou pelo https://consultaauxilio.cidadania.gov.br/ Calendários de pagamento Veja abaixo os calendários de pagamento. BENEFICIÁRIOS DO BOLSA FAMÍLIA Auxílio Emergencial 2021 Bolsa Família Economia G1 BENEFICIÁRIOS FORA DO BOLSA FAMÍLIA Calendário Auxílio Emergencial - inscritos app e site - 13.5.21 Economia G1 VÍDEOS: as últimas notícias sobre o Auxílio Emergencial beneficiários do Bolsa família o
Veja Mais

17/05 - Grupo de 'falsos' Elon Musk rouba US$ 2 milhões em golpes de criptomoedas
Armadilha é baseada na promessa de que uma celebridade associada a criptomoedas irá multiplicar os investimentos. O interesse de Elon Musk em criptomoedas aumentou o preço de algumas, como bitcoin ou dogecoin Getty Images via BBC A agência antitruste dos Estados Unidos, a FTC, relatou nesta segunda-feira (17) que pessoas se passando por Elon Musk roubaram mais de US$ 2 milhões de investidores desde outubro de 2020 em golpes de criptomoeda. Esse tipo de golpe é baseado na "promessa de que uma celebridade associada a criptomoedas irá multiplicar as moedas digtais que você enviar para sua carteira e devolvê-las a você", de acordo com a FTC. Elon Musk deixa de ser 2º homem mais rico do mundo com queda das ações da Tesla Elon Musk: por que a Tesla desistiu de aceitar bitcoins como pagamento por carros As publicações em sua conta no Twitter e as declarações públicas de Elon Musk, fundador da Tesla — gigante americana da fabricante de veículos elétricos — costumam fazer a cotação de várias criptomoedas reagir fortemente. O entusiasmo de Musk pelo bitcoin, por exemplo, contribuiu para a ascensão meteórica dessa moeda nos últimos meses. Porém, na semana passada, o bilionário anunciou que a Tesla deixaria de aceitar o bitcoin como forma de pagamento, considerando que a moeda virtual, cuja criação requer imenso gasto de energia, é muito poluente. Na noite de domingo, em resposta a uma postagem no Twitter, Musk sugeriu que sua empresa poderia até se livrar dos bitcoins em sua posse, fazendo com que o criptoativo alcançasse sua cotação mais baixa desde fevereiro. "Para acabar com qualquer especulação, a Tesla não vendeu nenhum bitcoin", afirmou Musk nesta segunda-feira na rede social, o que fez com que o preço da cripotmoeda se recuperasse. Initial plugin text O apoio fervoroso de Musk ao dogecoin também aumentou o valor dessa criptomoeda, que foi originalmente criada como uma piada. O interesse crescente em criptomoedas foi acompanhado por um grande aumento nas tentativas de golpes. De acordo com a FTC, 7.000 pessoas declararam perdas no valor de mais de US$ 80 milhões nesta área entre outubro e março do ano passado. Em comparação com o mesmo período do ano anterior, as reclamações aumentaram quase 12 vezes e a quantidade de dinheiro roubado aumentou quase 1.000%. A perda média de um golpe de criptomoeda é de US$ 1.900, disse a FTC, observando que as pessoas entre 20 e 49 anos são as mais propensas a serem enganadas. Bitcoin: Saiba o que é e como funciona a mais popular das criptomoedas
Veja Mais

17/05 - WarnerMedia e Discovery anunciam fusão para criar gigante do streaming
Ainda sem nome, novo produto terá a disposição catálogos da WarnerMedia, dona da HBO e dos estúdios Warner Bros, mais de 200 canais da Discovery, além de conteúdos originais. Cena de 'Snyder Cut', de 'Liga da Justiça; HBO Max estreia no Brasil em junho Divulgação O grupo americano de telecomunicações AT&T anunciou nesta segunda-feira (17) a fusão de sua filial WarnerMedia, proprietária da CNN e HBO, com o grupo Discovery, o que vai criar um gigante para competir com as plataformas de streaming Netflix e Disney+. Quando o acordo for concretizado, a AT&T receberá US$ 43 bilhões, e seus acionistas terão 71% da nova empresa, enquanto os acionistas do grupo Discovery terão 29%. Em um comunicado conjunto, a fusão foi descrita como a criação de "um dos maiores players globais do streaming". O acordo combina "o entretenimento premium e os produtos esportivos e noticiosos da WarnerMedia com a liderança da Discovery em entretenimento internacional e de não ficção, assim como com seus negócios esportivos, para criar uma empresa global de entretenimento líder e autônoma", afirma o comunicado. A fusão criará um concorrente para os líderes de mercado, Netflix e Disney+, que registraram o aumento do número de assinantes durante a pandemia. A desaceleração no crescimento da plataforma de transmissão on-line da Disney no primeiro trimestre gerou, no entanto, preocupação dos investidores, e as ações do grupo registraram queda na semana passada. Disney+ chegou ao Brasil em novembro com conteúdo de Disney, Pixar, Marvel, Star Wars, National Geographic Divulgação/Disney O nome da nova entidade será revelado "nos próximos dias ou na próxima semana", disse David Zaslav, atual presidente da Discovery, que comandará a nova empresa, em entrevista à rede norte-americana CNBC. A AT&T comprou a Time Warner em 2018 e depois a rebatizou como WarnerMedia. É proprietária da HBO, dos estúdios Warner Bros e de canais a cabo como a CNN. A Discovery tem canais em mais de 200 países, segundo o site da empresa. Novo modelo Diante de um novo modelo econômico, sem publicidade e com assinaturas mensais, diversos grupos buscam fortalecer sua oferta para se manterem em um mercado tão competitivo como o de entretenimento nos Estados Unidos. A AT&T, a primeira operadora de cabo nos Estados Unidos e segunda operadora móvel, lançou em 2020 sua própria plataforma de streaming HBO MAX, e a Discovery, a sua, Discovery+, no início do ano. HBO Max chega ao Brasil em junho de 2021 "A nova empresa poderá investir mais em conteúdos originais para os seus serviços de streaming, melhorar as opções de programação dos seus canais de televisão paga (...) e oferecer mais experiências inovadoras em vídeo, assim como mais opções aos telespectadores", destacaram os dois grupos, no comunicado divulgado hoje. 'Friends' é uma das séries do catálogo da HBO Max Divulgação No final de 2020, a HBO MAX contava com 61 milhões de assinantes, e a Discovery+, 15 milhões, no final de abril. Já a Netflix tinha 204 milhões, e as plataformas Disney (Disney+, ESPN+, Hulu), 146 milhões. O faturamento previsto para a nova gigante é de cerca de US$ 52 bilhões até 2023. O projeto de fusão prevê economia por sinergias de cerca de US$ 3 bilhões anuais. Para Richard Greenfield, analista da Lightshed Partners, "no ambiente midiático atual, é preciso ter um tamanho suficiente em um mercado específico para ser, ao mesmo tempo, suficientemente grande e suficientemente ágil para se adaptar às mudanças tecnológicas e conseguir um espaço significativo em uma paisagem dominada pelas plataformas", conforme a publicação de um blog. Loja da AT&T em San Rafael, na Califórnia JUSTIN SULLIVAN / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / Getty Images via AFP A ideia de que grupos de telecomunicações poderiam criar conteúdos mais inovadores para 5G ou outra mídia de distribuição comprando grupos de mídia era "questionável desde o início", disse Aija Leiponen, especialista na indústria de telecomunicações da Universidade Cornell. "Agora está claro que qualquer inovação proposta não convenceu os clientes ou simplesmente não houve nenhuma inovação revolucionária", acrescentou. No final de 2020, a AT&T já havia vendido a plataforma de streaming especializada em séries de animação japonesas Crunchyroll para a Sony e anunciado, em fevereiro, que cedia parte da DirectTV para a firma de investimentos TPG. A fusão com a Discovery permitirá que a AT&T, com uma dívida de US$ 169 bilhões no final de março, devido, principalmente a inúmeras aquisições de mídia, fortaleça um pouco suas finanças. Além das autorizações regulatórias para uso, a transação deve ser submetida aos acionistas do Discovery para aprovação, mas não requer qualquer voto dos acionistas da AT&T. VÍDEOS: Semana Pop explica temas do entretenimento
Veja Mais

17/05 - Elon Musk deixa de ser 2º homem mais rico do mundo com queda das ações da Tesla
Empresário tem fortuna 24% inferior à registrada em janeiro e foi para a 3ª colocação. Vice-liderança agora é ocupada por Bernard Arnault, presidente da LVMH, dona da Louis Vuitton. Elon Musk Getty Images/G1 O empresário Elon Musk, CEO da Tesla e da Space X, deixou de ser o segundo homem mais rico do mundo nesta segunda-feira (17), após as ações da Tesla terem registrado queda superior a 2%. Com isso, o empresário hoje ocupa a terceira posição do ranking de bilionários da Bloomberg. Elon Musk: por que a Tesla desistiu de aceitar bitcoins como pagamento por carros Elon Musk: o que é a Síndrome de Asperger, que o CEO da Tesla revelou ter Grupo de 'falsos' Elon Musk rouba US$ 2 milhões em golpes de criptomoedas No segundo lugar, agora está Bernard Arnault, atual presidente e diretor executivo da holding LVMH, dona das marcas Louis Vuitton e Dior. Bernard Arnault, CEO do grupo LVMH, em foto de janeiro de 2020 Thibault Camus/AP/Arquivo Musk, que chegou a ocupar o primeiro lugar no Índice de Bilionários da Bloomberg em janeiro, agora acumula fortuna de US$ 160,6 bilhões — 24% inferior à registrada na época. Musk vive período turbulento Na semana passada, o empresário fez o bitcoin despencar até 15%, após postar uma declaração no Twitter anunciando que a Tesla não estava mais aceitando a moeda digital como forma de pagamento. Também gerou especulações do mercado sobre a possível venda de bitcoins ou de suas participações com a moeda digital. Para solucionar a dúvida, ele postou nesta segunda (17) uma nova mensagem no Twitter negando qualquer transação em bitcoin. Initial plugin text Bitcoin: Saiba o que é e como funciona a mais popular das criptomoedas
Veja Mais

17/05 - Hackers usam sites de relacionamento e redes sociais para distribuir aplicativos financeiros clonados, alerta empresa
Apps falsificados foram distribuídos também para iPhone utilizando um sistema de 'Super Assinatura', segundo a Sophos. Criminosos tentam se aproveitar do interesse por investimentos e promovem apps adulterados que redirecionam transferências. REUTERS/Regis Duvignau A empresa de segurança Sophos publicou um relatório revelando que seus especialistas identificaram 167 aplicativos financeiros clonados, que imitavam serviços legítimos para direcionar transferências para os criminosos. Os apps foram encontrados durante a investigação de uma fraude realizada por meio de um serviço de relacionamentos de uma rede social. Após iniciar uma conversa com a vítima, o golpista levou a conversa para fora da rede social. Entrando no assunto de investimentos, o criminoso sugeriu o uso de um app específico e enviou um link. A Sophos concluiu que o site e o app sugeridos eram clonados e colocariam todo o dinheiro depositado na mão dos ladrões. No mesmo servidor que distribuía esse app clonado, os especialistas encontraram os demais apps fraudulentos – todos acompanhados de um respectivo site falso que poderia dar credibilidade para o golpe. Os apps tentavam se passar por diversos serviços financeiros, como os bancos TD Bank e Barclays, a plataformas de investimento MEX Group e Goldenway, e as plataformas de negociação de criptomoedas Gemini, Bitwala, Kraken, Binance, BitcoinHK, Bittrex e BitFlyer. Os apps geram recibos falsos e contam até com serviço de atendimento ao cliente. "Os aplicativos falsos que descobrimos imitam outros aplicativos financeiros populares e confiáveis de todo o mundo, enquanto o site de relacionamento começa com uma troca amigável de mensagens para construir confiança antes que o alvo seja solicitado a instalar um aplicativo falso", explica Jagadeesh Chandraiah, Pesquisador Sênior de ameaças da Sophos. "Essas táticas fazem a fraude parecer muito verdadeira", completa o especialista. Download seguro: saiba como baixar programas legítimos 'Super Assinatura' fora da App Store Nenhum dos aplicativos estava presente nas lojas oficiais dos sistemas (Play Store, no Android, e App Store, para iPhone). Embora o Android permita a instalação apps fora da Play Store – desde que o usuário mude uma configuração –, isso não é possível no iPhone. Os hackers contornaram a segurança do iPhone usando as "Super Assinaturas". Esse recurso foi criado pela Apple para que programadores autorizem a execução de um aplicativo em um número limitado de dispositivos durante a testagem do software. Os criminosos utilizam diversos serviços que automatizam essas etapas, autorizando o dispositivo da vítima e iniciando o download de um aplicativo vinculado a essa autorização. Com isso, o app pode ser instalado mesmo sem estar na App Store. Do ponto de vista do usuário, o processo exige uma interação maior. É necessário baixar um "arquivo de configuração" e depois confirmar a instalação do aplicativo. Apple diz que App Store rejeitou quase 2 milhões de aplicativos irregulares em 2020 Apps fraudulentos (linha superior) têm ícones parecidos com os dos apps reais (linha inferior). Sophos Outra medida usada pelos criminosos foi a criação de "WebClips" – ícones de aplicativos que simplesmente abrem um site em tela cheia no iPhone. Para o usuário, a experiência é semelhante à de um app, embora nada tenha sido realmente instalado. Usuários devem baixar apps de lojas oficiais A Sophos avalia que esses apps falsos foram criados para tirar proveito do aumento no interesse pelos mercados de ações e criptomoedas provocado pelo aumento no preço do Bitcoin e por histórias como a da GameStop. A companhia também encontrou uma lista de arquivos expostos em um dos servidores. Lá, os hackers deixaram disponíveis dados das vítimas, entre os quais havia fotos de passaportes de cidadãos do Japão, da Malásia, da Coreia do Sul e da China. Por essa razão, os especialistas acreditam a Ásia é o foco dessa fraude específica. A empresa recomendou que usuários instalem apenas aplicativos das lojas oficiais de cada sistema e que desconfiem de ofertas que parecem ser boas demais. No Android, usuários também podem instalar um programa antivírus. Dúvidas sobre segurança, hackers e vírus? Envie para g1seguranca@globomail.com Veja dicas para se manter seguro on-line
Veja Mais

17/05 - Marinha abre concursos para 26 vagas, com remuneração de R$ 9 mil
Um dos editais é para 25 vagas no Corpo de Engenheiros e o outro para 1 vaga de capelão naval. A Marinha abriu dois concursos para o total de 26 vagas de nível superior. Durante os cursos de formação, os candidatos têm direito à remuneração de R$ 9.070,60. Engenheiros Um dos editais é para 25 vagas no Corpo de Engenheiros (CP-CEM). Veja o edital no site da Marinha As inscrições devem ser feitas de 19 a 31 de julho pelo site www.ingressonamarinha.mar.mil.br. A taxa é de R$ 130. O candidato deve ter menos de 36 anos de idade no primeiro dia do mês de janeiro de 2022, ter concluído ou estar em fase conclusão do curso de graduação em engenharia ou arquitetura e urbanismo e ter altura mínima de 1,54 m e máxima de 2 m. As vagas ofertadas são para os cursos de: Arquitetura e Urbanismo - 1 Engenharia Aeronáutica - 1 Engenharia Cartográfica - 1 Engenharia Civil - 2 Engenharia de Produção - 1 Engenharia de Sistemas de Computação - 1 Engenharia de Telecomunicações - 2 Engenharia Elétrica - 3 Engenharia Eletrônica - 3 Engenharia Mecânica - 5 Engenharia Mecânica de Aeronáutica - 1 Engenharia Naval - 2 Engenharia Química – 2 O concurso terá provas escritas objetiva e discursiva de conhecimentos profissionais; redação; tradução de texto; verificação de dados biográficos; inspeção de saúde; teste de aptidão física de ingresso; prova de títulos; avaliação psicológica e verificação de documentos. A prova escrita objetiva de conhecimentos profissionais e redação será na primeira quinzena de setembro. O candidato aprovado realizará o Curso de Formação de 31 semanas no Centro de Instrução Almirante Wandenkolk (CIAW), no Rio de Janeiro. Durante esse curso, terá direito à remuneração de R$ 9.070,60. Capelão O outro edital é para o Quadro de Capelães Navais do Corpo Auxiliar da Marinha em 2021 (CPCapNav/2021). É oferecida uma vaga para a profissão de sacerdote da Igreja Católica Apostólica Romana. Veja o edital no site da Marinha As inscrições devem ser feitas de 19 a 31 de julho pelo site www.ingressonamarinha.mar.mil.br. A taxa é de R$ 130. O candidato deve ter entre 30 e 40 anos de idade; pelo menos 3 anos no exercício de atividades pastorais na Igreja Católica Apostólica Romana; ter concluído ou estar em fase de conclusão do curso de formação teológica de nível universitário, reconhecido pela autoridade eclesiástica de sua religião; e altura mínima de 1,54m e máxima de 2,00m. O concurso terá prova escrita objetiva de conhecimentos profissionais; redação; verificação de dados biográficos; inspeção de saúde; teste de aptidão física de ingresso; prova de títulos; avaliação psicológica e verificação de documentos. A prova escrita objetiva de conhecimentos profissionais e redação será na primeira quinzena de setembro. O candidato aprovado realizará o Curso de Formação de 31 semanas no Centro de Instrução Almirante Wandenkolk (CIAW), no Rio de Janeiro. Durante esse curso, terá direito à remuneração de R$ 9.070,60.
Veja Mais